, , ,

Spaniel Japonês – Saiba tudo sobre esta raça

Desde a Idade Média que o spaniel japonês habita o Japão. Foi criado para ser um cachorro destinado à realeza japonesa, servindo como um cão de companhia. Por isso os traços de companheiro, amigo e brincalhão duram até os dias de hoje nos animais dessa raça.

Também chamado de chin, este cachorro é de porte pequeno, tem pelagem comprida e calda coberta de pelos formando uma franja. Nos Estados Unidos, o spaniel japonês chegou em 1882. Atualmente, vem ganhando o carinho dos brasileiros, pelo jeito carismático de ser.

Temperamento e personalidade do spaniel japonês

O spaniel japonês é um cão com facilidade em aprender, por isso torna os treinamentos situações rápidas e simples. Mas vale ressaltar que quanto mais cedo for iniciado o adestramento, mais fácil virão as respostas positivas por parte do animal. Em alguns momentos, o temperamento desse pet pode ser teimoso, porém nada que um bom treinamento não resolva.

O spaniel japonês é um excelente companheiro para toda a família, desde crianças a idosos

Também chamado de “chin”, que significa “como gato”, esse cão tem características felinas (Foto: depositphotos)

Já quando o assunto é personalidade, o cão dessa raça tende a ser tranquilo e amigável. É um excelente companheiro para toda a família, desde crianças a idosos. Apesar do lado independente, o chin gosta de estar ao lado das pessoas que ama, característica essa que vem desde a criação. Adora ser o centro das atenções e receber carinhos de todos.

Silenciosa e delicada são características desta raça. Para a Confederação Brasileira de Cinofilia (CBKC), o spaniel também é um cão inteligente, gentil e amável.

Dúvidas recorrentes

1. Quanto custa um spaniel japonês?

Os cães desta raça são caros, pois podem variar entre R$ 2 mil a R$ 5 mil, principalmente quando ainda são filhotes. Mas, é sempre importante lembrar que a compra de cães só deve ser feita após conhecer as circunstâncias nas quais se encontram as mães dos filhotes. Infelizmente, alguns canis exploram as fêmeas e deixam os animais viverem em situação desumanas. 

2. Adapta-se em apartamento?

O spaniel japonês é um cachorro ideal para viver em apartamento. Além de ser um cão de porte pequeno, precisa de pouco espaço uma vez que não tem necessidade de praticar muito exercício. No entanto, dentro do apê o animal pode querer saltar ou escalar, por isso é indicado investir em uma ambientação adaptada a este pet

3. É um bom companheiro para crianças?

Por ser amoroso e gentil, este cãozinho pode se tornar um amigo inseparável das crianças. Porém, é importante ensinar aos pequenos como se deve tratar um animal de estimação, dando-lhe carinho, atenção e respeitando os limites dos pets. Além da criançada, essa raça é potencialmente indicada para tutores idosos, pois é um cão com características positivas para essa faixa etária.

4. Spaniel japonês late muito?

Apesar de ser brincalhão, o spaniel japonês não costuma latir. Trata-se de um cachorro silencioso, inclusive muito comparado com o comportamento de um gato. O apelido “chin”, por exemplo, significa “como gato”, característica dada devido ao jeito desse animal.

5. Apresenta problema ao ficar sozinho em casa?

Este cachorro adora receber atenção dos tutores, por isso apresenta problema ao ficar só em casa. Por isso, mesmo apresentando um lado independente, o spaniel japonês não deve passar longos períodos em casa sozinho.

6. Tem tendência a soltar muito pelo?

A pelagem do cãozinho dessa raça requer cuidados especiais. Além de soltar pelo, o chin também pode criar nós ou ferimentos no couro cabeludo. Sendo assim, é necessário escovar a pelagem do animal a cada dois dias. Evitando desta forma problemas na qualidade de vida do pet.

Comportamento do spaniel japonês

De acordo com o livro “Cães”, do escritor especializado em animais de estimação David Alderton, essa raça apresenta um comportamento peculiar. Para o autor, o sapaniel japonês tem um lado decididamente felino. Isto porque o animal tem comportamentos típicos dos gatos.

“O spaniel japonês se move muito delicadamente e usa as patas para lavar o rosto, exatamente como um gato, podendo até subir no espaldar do sofá para lá dormir”, explica David Alderton. Além disso, o autor ainda cita outro comportamento incomum desses cães, o chamado “giros chin“. Nesta situação o cachorro faz piruetas em círculos.

“Eles também se tornaram conhecidos por cantar, emitindo uma ‘vaia’ muito peculiar, bem distinta de um latido ou rosnado. Mesmo assim, o spaniel japonês é normalmente tranquilo e aceita estranhos bem rápido, apesar de ter o costume de latir quando a visita chega”, finaliza o autor especialista em animais de estimação.

Características físicas

Cuidados específicos

Existem três tipos de problemas de saúde comuns no spaniel japonês, são eles: luxação na patela, sopro no coração e problemas respiratórios. No primeiro caso, há um problema no joelho do animal, fazendo com que ele manque, ou perca os movimentos normais das patas afetadas.

Já no caso do sopro do coração, veterinários relatam que ocorre com mais frequência em animais de pequeno porte. Nesta situação, a válvula do coração do paciente perde a capacidade de se fechar corretamente. Para contornar essa falha, o coração faz um esforço, aumentando a pressão arterial. Assim, o cãozinho tem tosse seca, pode mudar a cor da língua para roxo e ainda apresentar um cansaço.

Um outro problema comum nessa raça é a dificuldade em respirar. Esta disfunção é decorrente da estrutura corporal do spaniel japonês, uma vez que ele compõe um grupo de cães chamados de braquicefálicos. Em outras palavras, são animais com o focinho achatado e por isso há uma dificuldade na respiração e no aquecimento do ar para os pulmões.

Filhotes

Os filhotes de spaniel japonês são agitados e cheios de energia. Adoram brincar e se divertir ao lado dos tutores e de outros animais. Contudo, como se trata de um cachorro de pequeno porte, é necessário ter muito cuidado com os filhotes pois eles são ainda mais frágeis. Vacinação, treinamento, vermifugação devem ser colocadas em prática o quanto antes.

Curiosidades desta raça

De acordo com o PhD em veterinária, Bruce Fogle, autor de um livro chamado “Cães”, o cachorro dessa raça é, provavelmente, um descendente dos toy spaniels, como o kig charles spaniel.

Fisicamente falando, esse animal possui olhos bem caracterizados. Isto porque, os olhinhos do spaniel japonês são escuros, grandes e bem separados um do outro.

Este pequeno cachorro precisa de muita atenção com relação a alimentação, uma vez que possui tendência à obesidade. Portanto, com o auxílio de um veterinário, o tutor precisa controlar as refeições e porções servidas a esse pet.

Expectativa de vida: 10 a 12 anos. Podendo variar para mais ou menos, dependendo do estilo de vida que o cachorro leva.

Origem do spaniel japonês

Galeria de fotos

(Foto: depositphotos)

(Foto: depositphotos)

 

(Foto: depositphotos)

(Foto: depositphotos)

(Foto: depositphotos)

Sobre o autor

Avatar
Jornalista (MTB-PE: 6750), formada em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo, pela UniFavip-DeVry, escreve artigos para os mais diversos veículos. Produz um conteúdo original, é atualizada com as noções de SEO e tem versatilidade na produção dos textos.