Mensagens para morte do cachorro de estimação

As mensagens para morte do cachorro de estimação servem para prestar a última homenagem aqueles que se tornaram os melhores amigos. Isso porque, além de amigos, os cães são vistos também como integrantes das famílias.

Dessa forma, nada mais justo do que homenagear os cães, que em vida sempre recebem seus tutores com extrema alegria.

Por essa razão, o Clube para Cachorros separou uma lista com algumas mensagens para a morte do cachorro de estimação.

Mensagens: morte do cachorro de estimação

Não importa como a mensagem será feita, desde que seja com o coração

Homenageia seu amigo de patas com lindas mensagens (Foto: depositphotos)

1. A amizade

“Os cães são o nosso elo com o Paraíso. Eles não conhecem a maldade, a inveja ou o descontentamento. Sentar-se com um cão ao pé de uma colina numa linda tarde, é voltar ao Éden onde ficar sem fazer nada não era tédio, era paz.”

(Milan Kundera)

2. Amizade verdadeira

“Para um cão, você não precisa de carrões, de grandes casas ou roupas de marca. Símbolos de status não significavam nada para ele. Um pedaço de madeira já está ótimo. Um cachorro não se importa se você é rico ou pobre, inteligente ou idiota, esperto ou burro.

Veja também: Morte de cão: o mais indicado é enterrar ou cremar?

Um cão não julga os outros por sua cor, credo ou classe, mas por quem são por dentro. Dê seu coração a ele, e ele lhe dará o dele.

É realmente muito simples, mas, mesmo assim, nós humanos, tão mais sábios e sofisticados, sempre tivemos problemas para descobrir o que realmente importa ou não.

De quantas pessoas você pode falar isso? Quantas pessoas fazem você se sentir raro, puro e especial? Quantas pessoas fazem você se sentir extraordinário?”

(Marley & Eu)

3. Voz do cachorro

“Assim, em todas as minhas vidas como um cão, aqui está o que eu aprendi. Divirta-se, obviamente. Sempre que possível, encontre alguém para salvar, e salve-os.”

(Quatro Vidas de Um cachorro)
*Uma opção para dizer que foi salvo pelo cachorro.

4. Do cachorro para o dono

“Humano, vejo que estás chorando porque chegou meu momento de partir. Não chores por favor, quero te explicar algumas coisas. Tu estás triste porque eu fui embora, e eu estou feliz porque te conheci. Quantos como eu morrem diariamente sem ter conhecido alguém especial?

Os animais as vezes passam tanto tempo sozinhos a nossa própria sorte. Só conhecemos o frio , a sede, o perigo, a fome. Temos que nos preocupar em como conseguiremos algo para comer e aonde passaremos a noite protegidos. Vemos muitos rostos todos os dias, que passam sem nos olhar, e as vezes é melhor que nem nos vejam, antes de se darem conta que estamos aqui e nos maltratem.

A vezes temos a enorme sorte que entre tantas pessoas passa um anjo e nos recolhe. Às vezes, os anjos vêm e são organizados em grupos, às vezes há outros anjos longe e enviam muita ajuda para nós. E isso muda tudo. Se necessário nos levam a outro tipo de anjo que sabem muito, e nos dão remédios para nos curar.

Nos escolhem uma palavra que pronunciam cada vez que nos vêem. Um NOME. Eu acho que o que você diz, é que somos “especiais”, deixamos de ser anônimo, para ser um de muitos, e um de vocês. E conhecemos o que é um lar! Você não tem idéia de como isso é importante para nós? Nós já não temos que ter medo nunca mais, não temos mais fome, ou frio, ou dor, ou perigo.

Se você pudesse calcular o quão feliz que nos faz. Para nós qualquer casa é um palácio! Nós já não nos preocupamos se vai chover, se vai passar um carro muito rápido ou se alguém vai nos ferir. E, principalmente, não estamos sozinhos, porque nenhum animal gosta de solidão, o que mais se pode pedir?

Eu sei que te entristece a minha partida, mas eu tinha que ir agora. Quero te pedir que não se culpe por nada; te ouvi soluçar que deveria ter feito algo mais por mim. Não diga isso, fez muito por mim! Sem você não teria conhecido nada da beleza que carrego comigo hoje.

Você deve saber que nós, animais, vivemos o presente intensamente e somos muito sábios: desfrutamos de cada pequena coisa de cada dia, e esquecemos o passado ruim rapidamente. Nossas vidas começam quando conhecemos o amor, o mesmo amor que você me deu, meu anjo sem asas e duas pernas.

Saiba que mesmo se você encontrar um animal que está gravemente ferido, e que só lhe resta apenas um pouquinho de tempo neste mundo, você presta um enorme serviço ao acompanhá-lo em sua transição final. Como te disse antes, nenhum de nós gostamos de estar só, menos ainda quando percebemos que é hora de partir.

Talvez para você não seja tão importante, que um de vocês esteja ao nosso lado nos acariciando e segurando a nossa pata, nos ajuda a ir em paz. Não chores mais por favor. Eu vou feliz. Tenho na lembrança o nome que você me deu, o calor da sua casa que neste tempo se tornou minha. Eu levo o som de sua voz falando para mim, mesmo não entendendo sempre o que me dizia.

Eu carrego em meu coração cada caricia que você me deu. Tudo o que você fez foi muito valioso para mim e eu agradeço infinitamente, não sei como dizer a você, porque eu não falo sua língua, mas certamente em meus olhos pôde ver a minha gratidão. Eu só vou pedir dois favores. Lave o rosto e começa a sorrir.

Lembre-se que bom que vivemos juntos estes momentos, lembre-se das palhaçadas que fazia para te alegrar.
Reviva como eu todo o bem que compartilhamos neste tempo.
E não diga que não adotará outro animal porque você tem sofrido muito com a minha partida.Sem você eu não viveria as belezas que vivi.

Por favor, não faça isso! Há muitos como eu esperando por alguém como você. Dê-lhes o que você me deu, por favor, eles precisam assim como eu precisei de ti. Não guarde o amor que tens para dar, por medo de sofrer.

Siga o meu conselho, valorize o bem que compartilha com cada um de nós, reconhecendo que você é um anjo para nós os animais, e que sem pessoas como você a nossa vida seria mais difícil do que às vezes é. Siga a sua nobre tarefa, agora cabe a mim ser o seu anjo. Eu vou estar acompanhando você no seu caminho e te ajudarei a ajudar os outros como eu.

Eu vou falar com outros animais que estão aqui comigo, vou lhes contar tudo o que você tem feito por mim e eu vou apontar e dizer com orgulho: “Essa é a minha família”. Hoje à noite, quando você olhar para o céu e ver uma estrela piscando quero que você saiba que sou eu piscando um olho; avisando a você que cheguei bem e dizendo-lhe “obrigado pelo amor que você me deu”.

Eu me despeço agora não dizendo “adeus”, mas “até logo”.
Há um céu especial para pessoas como você, o céu para onde nós vamos e a vida nos recompensa tornando a nos encontrar lá. Eu estarei te esperando!”

(Autor desconhecido)

Veja também10 raças de cães que vivem menos

5. Saudade

“Dói tanto pensar em você, pensar que há muito pouco você estava aqui, mas agora não está mais… Não sei o porquê você se foi, por aqui ficou apenas a saudade.”

(Mensagens com Amor)

Dicas para fazer uma mensagem linda para o cachorro que morreu

A forma mais 'saudável' para lidar com a perda é se permitindo sentir saudade

Em sua homenagem escrita ao cão expresse todo o carinho que sentia (Foto: depositphotos)

É claro que o dono quer prestar uma linda e emocionante homenagem ao cãozinho que se foi. Mas para que ela fique assim, não precisa conter palavras difíceis, mas sim que elas venham do coração.

Nada é mais emocionante do que um amor verdadeiro entre o tutor e o cão. Para a mensagem ficar digna desse amor, é importante que o tutor fale com o coração e expresse todo o carinho que sente pelo animal.

Por exemplo, falar sobre o dia a dia. Contar sobre as aventuras vividas ao lado melhor amigo canino. Confessar os segredos dos dois. Narrar as peripécias que o animal aprontava.

Além disso, o tutor pode contar como vai ficar com saudade do cachorro. Dizer com todas as palavras o quanto o cão foi especial em sua vida e tudo aquilo que aprendeu com o peludinho.

Outra forma de homenagear o cachorro com mensagens é contar a história dele. Como ele foi parar na casa do tutor, tudo o que ele enfrentou, o quanto foi guerreiro.

Deixar a emoção tomar conta é a melhor forma de homenagear um cão após a sua morte.

Como superar a morte de um cão?

De acordo com a psicóloga Catarina Lacerda, as pessoas têm diferentes formas de passar o luto. Algumas demonstram mais a tristeza de perder o cão, outras menos.

“Acredito que a forma mais ‘saudável’ para lidar com essa perda seria se permitir senti-la de fato. Porque existiu um investimento de sentimento por aquele pet, existiriam momentos vividos, compartilhados, o cuidado… Então vamos nos permitir sentir falta, passar pelo luto e guardar realmente o que foi bom”, aconselha.

Veja também: Cemitério para cães

Além de se permitir sentir a dor da perda, a psicóloga recomenda a terapia. Fazer sessões com psicólogos deve ser algo contante na vida de todo mundo. Inclusive, quem já faz terapia tende a responder melhor a esse período de luto.

“Uma das formas de tentar mudar isso seria se as pessoas parassem mais para olhar quantos animais temos disponíveis para adoção, que passaram por algum sofrimento, violência. Mudar esse sentimento de privação para um sentimento de compaixão pode ajudar a dar sentido e resignificação a todo esse amor guardado“, finaliza.

Sobre o autor

Avatar
Jornalista (MTB-PE: 6750), formada em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo, pela UniFavip-DeVry, escreve artigos para os mais diversos veículos. Produz um conteúdo original, é atualizada com as noções de SEO e tem versatilidade na produção dos textos.