A convivência de filhotes com outros cães

Dicas super fáceis para evitar problemas de relacionamento entre o cão mais velho e o novo integrante da família


É comum encontrarmos pessoas que desejam adotar outro pet para fazer companhia ao seu primeiro cão, ou até mesmo aquelas que gostam tanto dos animais que acabam adotando simplesmente devido ao grande amor que sentem e no intuito de aumentar suas famílias. Mas quando um cão vive sozinho por algum tempo, uma tarefa pode ser bem difícil: a adaptação à presença de outro cãozinho.

Não é raro encontrarmos também tutores que têm problemas no relacionamento entre dois cães dentro de casa, tendo que lidar com brigas e problemas frequentes. Então, como podemos fazer com que os cães se deem bem?

A convivência de filhotes com outros cães

Foto: Reprodução

Técnicas para aceitação entre cães

Considerada a forma mais fácil de fazer o seu cão aceitar um filhote em sua matilha, levar os dois cães para um passeio exige cuidados: é preciso que o local do passeio seja um território neutro.

A aproximação pode ser feita da seguinte maneira: enquanto você anda com o cão que já tinha em casa, peça para alguém que ele conhece e gosta trazer devagar o novo integrante da família até ele. A partir disso, caminhem todos juntos, sempre mantendo uma distância segura entre os cães, não parando de imediato para apresenta-los.

Se você tiver somente um cão, coloque-o andando à frente do novo pet, mas se for uma turma, deixe que o que normalmente é o líder ande na frente. Somente quando todos estiverem cansados e já habituados à presença do novo cão, caminhando junto à eles, é que você deve deixar que todos se cheirem.

Nesse momento em que se conhecem, carinhos e petiscos são super bem vindos para que eles associem a presença um do outro com coisas boas.

Como apresentar dentro de casa?

Existem situações em que você adota um filhote que ainda é muito pequeno para poder ir passear. Quando isso acontecer, você pode apresenta-los em um território neutro também, mas interno, como por exemplo a casa de um amigo. Somente depois de apresentados é que você deve voltar para casa com eles.

A apresentação, no entanto, também deve ser feita com a guia, e os cães somente devem ficar soltos quando você sentir confiança em seus pets. Os cães adultos, normalmente vão dar uma prensada no filhote, mas fique tranquilo, pois dificilmente estes irão ferir os filhotes. Isso irá fazer com que o novo integrante da matilha se coloque em lugar inferior aos seus outros cães.

Mas atenção: você deve ficar atento e interferir somente quando os cães estiverem ferindo o filhote, ou ainda quando este estiver enfrentando os grandes. Nesses casos, mantê-los separados por um período pode ser eficaz, mas não por muito tempo, pois eles precisam se habituar a presença um do outro.

Cuidados

É preciso que você, antes de trazer um novo cão para sua casa, compre potes de comida e de água, além de paninho e caminha para o seu filhote, de forma que ele não interfira nas coisas do cão mais velho. Este, por sua vez, deve ter um lugar garantido para ficar afastado do filhote. Outra coisa que pode melhorar a convivência entre eles rapidamente é mostrar aos cães que já viviam na casa que eles tem privilégios quanto ao filhote.


Reportar erro