Por que o cachorro tem o sono agitado?

Quem tem cachorro já deve ter visto o seu animalzinho ganindo, rangendo ou se mexendo muito enquanto dormia…


Quem tem cachorro já deve ter visto o seu animalzinho ganindo, rangendo, se mexendo muito ou tendo alguma outra reação enquanto estava dormindo. Assim como acontece com os seres humanos, alguns cachorros têm o sono mais agitado que outros, o que pode estar relacionado com os sonhos e com a posição de dormir.

Estágios do sono dos cães

São três os estágios do sono dos cachorros:

  1. NREM (Movimento Não-rápido dos Olhos);
  2. REM (Movimento Rápido dos Olhos);
  3. SWS (Sono de Onda Lenta) – É neste estágio que o seu pet respira profundamente enquanto dorme.

Segundo especialistas, os cachorros sonham no 2º estágio, o REM, e é neste ciclo que eles se mexem, latem e ficam mais agitados.

Por que o cachorro tem o sono agitado?

Foto: Reprodução

As posições do sono e a agitação

Você já observou como o seu animalzinho de estimação dorme? Ele costuma dormir esticado ou mais enrolado? A posição do cachorro ao dormir também tem relação com o grau de agitação durante o sono.

Os cachorros que possuem o hábito de dormir bem enrolados não relaxam os músculos e costumam se mexer menos durante o sono do que os cães que dormem esticados.

De acordo com os especialistas, os filhotes e os idosos têm maior tendência de se mexer enquanto dormem e sonham mais que os cães na fase adulta.

Se você perceber que o seu cãozinho está se mexendo muito durante o sono, não faça nada para não assustá-lo. Se ele estiver muito agitado, apenas o acorde chamando o seu nome, calmamente, sem gritar e sem tocá-lo, pois alguns animais podem ter reações diferentes ao serem tocados enquanto dormem.

Caso o cachorro acorde assustado, converse com ele com um tom de voz mais leve e não faça carinho quando ele estiver com medo, para evitar que o comportamento seja reforçado.

Os sonhos dos cães

A agitação, os espasmos nas patas e o balançar da cauda do cachorro são muitas vezes relacionados com os sonhos. O cérebro canino e o humano são bem parecidos e eles também sonham e têm pesadelos, sendo que as experiências vividas por um cachorro podem ou não causar impacto nos seus sonhos.

De acordo com estudos, os animais que foram severamente maltratados possuem maior tendência a sofrer com pesadelos. O que o dono pode fazer é observar o comportamento do animal enquanto ele está dormindo e passando pelos estágios do sono.


Reportar erro