Coisas que os cachorros odeiam em seus tutores

Sabia que os cachorros muitas vezes desaprovam de atitudes do dono? Conheça as ações tomadas por nós que mais despertam o ódio no cachorro


Cachorros são animais leais, carinhosos, solícitos e atenciosos. Por isso mesmo ganharam o invejável título de “o melhor amigo do homem”. Mas toda a proximidade que existe entre um cão e seu dono pode induzi-lo a achar que compreende perfeitamente o seu animal, levando a erros e mal-entendidos que, no limite, podem prejudicar a saúde, o temperamento e mesmo o convívio social do seu animalzinho com outros da mesma espécie.

A fim de impedir o agravamento e/ou instalação de um quadro de estresse e ansiedade, segue uma lista de práticas comuns que devem ser evitadas em prol do bem-estar do seu cachorro.

Imagem de cão com raiva

Foto: Pixabay

Repreender latidos

Cães verbalizam seus desejos, medos, sentimentos e vontades – assim como a gente! Com a diferença que nós, humanos, falamos, ao passo que os cachorros latem. Assim, reprimi-los simplesmente por latirem pode causar confusão na cabeça do seu animal, levando-o a quadros de ansiedade e estresse.

Infantilizá-los

É muito comum encontrarmos na internet vídeos e fotos de cachorros vestidos à moda de crianças, com direito a roupinhas, sapatos, chapéus e mesmo jóias. Mas se você estiver pensando em fazer isso com o seu… esqueça! Eles detestam isso. É importante tracejar uma linha: cachorros não são crianças. Eles se sentem muito desconfortáveis com tudo isso, acredite!

Falar sem gesticular

Cães nos entendem – mas não da forma como imaginamos! Embora, com o treino adequado, consigam associar palavras a comandos, é com a nossa linguagem corporal que eles realmente se entendem. Assim, é fundamental que você expresse com gestos e posturas seus sentimentos, vontades e mesmo repreensões – caso contrário, por mais que você grite ou esperneie, o seu cãozinho não vai entendê-lo.

Abraçá-los

Por mais que doa admiti-lo, a verdade é que a maioria esmagadora dos cães detesta ser abraçado. Para nós não há demonstração de afeto mais contundente do que um abraço arrochado e aconchegante, vindo de alguém que temos em alta estima. Para os nossos amigos caninos, porém, abraços são co siderados ameaçadores, e isso porque eles entendem que você está tentando dominá-los à força, subjugá-los. Embora existam exceções, como regra evite colocá-los nessa posição desconfortável.

Ignorá-los

Cachorros, independentemente da raça, tendem a ser animais energéticos e aventurosos, especialmente quando estão na companhia de seus donos. Por isso, brincar com eles, levá-los a passeios, apresentar-lhes desafios divertidos e afins é absolutamente necessário! Seu pet requer carinho e atenção, caso contrário sentir-se-á mal-amado e indesejado.


Reportar erro