Tutora faz seu cão em estado terminal ver neve pela última vez

Após ter seu cão diagnosticado com um tumor maligno, Ashley lembrou da promessa que havia feito para Spunky. Felizmente, ela conseguiu cumprir


A americana Ashley Nielsen adotou o seu cão, Spunky, quando ainda morava em Ashland, no estado americano de Wisconsin.

No inverno sempre neva bastante nessa região do país, coisa que alegrava o cãozinho.

Em 2008, eles se mudaram para o estado de Tennessee e depois para o Texas, que ao contrário de Wisconsin, são estados muito quentes.

Ashley prometeu ao cãozinho que o levaria para brincar na neve de novo. Infelizmente, com as responsabilidades do dia-a-dia, os planos sempre eram adiados.

Recentemente, Spunky foi diagnosticado com hemangiossarcoma, um tipo de tumor maligno que não pode ser curado nem por cirurgia, nem quimioterapia. A veterinária recomendou que ele fosse sacrificado para que não sofresse tanto. Ashley então, lembrou da promessa que fez.

À principio ela entrou em pânico, pois dificilmente neva onde ela mora. Os colegas de trabalho do abrigo onde ela trabalha decidiram alugar uma maquina de neve e levar até a casa do cãozinho para que mais uma vez, ele pudesse ter a experiência de brincar na neve.

O gesto dos colegas de trabalho de Ashley à emocionou muito, tanto que ela decidiu adiar o procedimento de eutanásia de Spunky e aproveitar mais algum tempo ao seu lado. Até mesmo o pai dela, que vive em Chicago, viajou para ficar ao lado do amigo canino.

 

Com informações de Hypeness


Reportar erro