Loja contrata ex-militar com limitação motora e sua cadela auxiliar

Com deficiência motora, Clay precisa da pet para o auxiliar em tarefas, como: pegar coisas que estão muito baixas


Arrumar um emprego normalmente já é uma tarefa difícil. Essa tarefa se torna ainda mais difícil quando se têm algum tipo de deficiência e precisa de um cão de serviço para ajudar nos afazeres.

Esse é o caso do veterano da força aérea, Clay Luthy, que se aposentou após passar por uma série de cirurgias no seu joelho que limita os movimentos da sua perna esquerda e faz com que ele precise da ajuda de sua cadela, Charlotte, para pegar coisas que estão muito baixas ou para o ajudar quando ele não consegue se levantar.

Após muita persistência, ele não só conseguiu um emprego na loja de departamento Lowes de Abilene, Texas, como fazer Charlotte ser considerada uma membro da equipe de funcionários. Ela ganhou até mesmo um uniforme com o nome da loja.

clay-luthy-junto-a-charlotte-no-lowes

Foto: Reprodução/ Facebook/ Clay Luthy

“Nós estávamos entrevistando as pessoas para ocupar uma vaga e Clay era um deles. Então ele chegou para a entrevista junto a Charlotte,” contou o gerente de recursos humanos da Lowes, Jay Fellers à KRBC.

A parceria entre Clay e Charlotte já tem mais de 10 anos e agora eles já estão a dois meses trabalhando na loja. A cadelinha não só ajuda o seu tutor, como também faz muito sucesso entre os clientes. Um deles fotografou a dupla e postou uma foto em seu Facebook, no último domingo.

“Eu amo o jeito que a Lowes de Abilene é. Esse é um veterano aposentado que lutou muito para conseguir um trabalho porque ele precisa de sua cadela de serviço ao seu lado! A lowes contratou os dois,” dizia a legenda que a usuária, Judy Rose, colocou na foto.

A imagem rapidamente viralizou e já foi compartilhada mais de 180 mil vezes.

Com informações de CNN


Informar erro