Cão debilitado busca abrigo em unidade policial no PR

Animal não saiu mais do local e acabou virando o mascote dos policiais


Um cão que recebeu o nome de Rotam, apareceu há cerca de três meses na Unidade Paraná Seguro (UPS) Osternack do 13º Batalhão de Polícia Militar, pertencente ao 1º Comando Regional da PM. O caso ocorreu em Curitiba, no Paraná. O cachorro vira-lata apresentava sinais de estar com problemas de saúde quando foi encontrado.

Após uma longa noite de chuva, os militares avistaram o cãozinho embaixo da base usada como sede da unidade policial, no bairro do Sítio Cercado. O soldado Becker retirou o animal do local, lavou as patas que estavam sujas de lama e o ofereceu um pouco de comida. O cachorro estava muito magro e com aparência de doente.

Cão debilitado busca abrigo em unidade policial no PR

Foto: Divulgação/ PMPR

Daquela noite em diante, Rotam não saiu mais da unidade e acabou virando o mascote dos policiais, sendo acolhido, inclusive, também pelos moradores da região. Uma campanha foi realizada nas redes sociais e entre alguns grupos de cuidadores de animais. Rotam passou a receber água e ração adequadas, além do tratamento necessário. Atualmente, o cachorro já ganhou quatro quilos e está saudável.

Durante as campanhas, uma moradora de Piraquara, Região Metropolitana de Curitiba, Simone Roza, se comoveu com a história e doou uma casinha para Rotam, que foi trazida com o apoio de um policial do Batalhão de Polícia de Guarda para o bairro do Sítio Cercado.


Reportar erro