Cães ajudam no resgate de vítimas de terremoto no Equador

Número de mortos já é de 602, enquanto que o de feridos ultrapassa 12 mil


O Equador foi atingido por um terremoto devastador no último dia 16, considerado um dos mais fortes das últimas décadas, tendo atingido magnitude 7,8 na escala Richter. O número de mortos já é de 602, enquanto que o de feridos ultrapassa 12 mil pessoas.

Dependendo, no entanto, das circunstâncias as quais uma vítima de terremoto se encontra, ela pode sobreviver até mesmo uma semana ou mais sob escombros. E é graças a ajuda de cães farejadores que as buscas, não só por pessoas como também por outros animais vivos, estão tendo sucesso nesse e em outros desastres naturais causados por terremotos.

Somente em um dos casos de resgate após o terremoto do Equador, oito pessoas e um cãozinho que ficaram presos sob destroços em um shopping center foram encontrados e localizados com vida, graças aos pets farejadores.

Confira abaixo imagem e vídeo da equipe de resgate:

 


Reportar erro