Cadela acolhe e amamenta gatinha salva das ruas

A cadelinha Malu teve gravidez psicológica e começou a produzir leite para alimentar a filhote


Enquanto voltava do trabalho, a psicóloga Dalila Rodrigues que vive em Itumbiara, Goiás, viu um cão de rua com uma filhote de gato todo ferido em sua boca. Ela interviu e não só salvou gata, como também decidiu levá-la para casa.

Para a surpresa de Dalila, a sua cadelinha Malu decidiu não só adotar a gatinha, que ganhou o nome de Lilica, como se fosse um filhote seu, como também começou a produzir leite para amamentar a sua nova filha.

Segundo o veterinário Felipe de Freitas Faria em entrevista ao Bom dia Goiás, a cadelinha não teve nenhum filhote, mas passou por uma gravidez psicológica que foi o que fez com que ela produzisse leite.

Confira o vídeo de uma reportagem feita pelo Bom dia Goiás sobre o caso de Malu e Lilica a seguir:


Reportar erro