,

Tutora faz registro de recuperação, mas acaba fotografando últimos dias de pet

Cães são animais mais do que especiais em nossas vidas, mas, infelizmente, sua expectativa de vida é muito inferior se comparada com a nossa. Esse triste fato faz com que tutores precisem dizer adeus de forma muito recorrente. Quando as circunstâncias acontecem de maneira inesperada, a perda pode ser ainda mais dolorosa.

A fotógrafa eslovena Jasmina Lozar Povše compartilhou a história de sua primeira cadelinha, Lilly. Muito além de uma amiga, Lilly ajudou sua tutora a combater suas severas crises de asma fazendo companhia a ela durante longas caminhadas que faziam. Jasmina até parou de tomar a medicação e voltou a respirar normalmente.

Fotos: Reprodução/ Jasmina Lozar

Infelizmente, Lilly foi envelhecendo e logo começou a adoecer e, após vários exames, descobriram que a cadelinha estava sofrendo de câncer do fígado. Ela lutou dia após dia sem reclamar. Jasmina então decidiu usar a fotografia para registrar a recuperação de sua companheira. Infelizmente, Lilly não resistiu e acabou morrendo, o que transformou o registro da tutora em seu adeus mais doloroso.


 

Com informações de Bored Panda

Sobre o autor

Avatar
Jornalista formado em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo (UniFavip-DeVry). Possui experiência prática de dois anos na área de produção de textos para web e social media (MTB/PE: 6771). Atualmente trabalha com produção de conteúdo audiovisual para plataformas digitais, sendo as principais os canais do Remédio Caseiro e do Clube para Cachorros, no YouTube.