Raças ideais para sítios e chácaras

As raças de cães para chácaras, sítios, fazendas e granjas, geralmente, são animais de porte mediano para grande. Esses cachorros necessitam de um espaço maior para correr e fazer exercícios. Por estas mesmas razões, são cães que não crescem felizes em lugares pequenos.

Além disso, alguns deles ainda podem contribuir com a segurança da residência em sítios e chácaras. Mas sem deixar de lado características importantes de um cão doméstico como a lealdade e uma boa companhia.

Então, se você está buscando um melhor amigo para se divertir em sítios e chácaras, confira essa lista de 10 raças ideais para espaços assim. No entanto, é importante lembrar que casas espaçosas também são ótimos lares para cães desse porte.

10 raças de cães para sítios e chácaras

1. Pastor alemão

Conhecido por trabalhar com policiais, o pastor alemão é um cão vigilante com estranhos. Exerce função de cão de guarda por estar sempre alerta, ser um bom guardião e por aprender rapidamente.

Pastor alemão na grama

Essa raça, além de companheira, é excelente cão de guarda (Foto: depositphotos)

Pode se tornar um cão dominador, caso não seja bem treinado pelo tutor. Por isso, invista em adestramento desde filhote. Além disso, é um cachorro que precisa de exercícios físicos constantes, para liberar a energia que possui, incluindo atividades sem guia.

2. Dogue alemão

O dogue alemão é um cão dócil e bem brincalhão, contudo o porte gigante dessa raça pode assustar qualquer estranho. Atualmente, é um dos cães mais altos, medindo de 71 até 81 centímetros.

É um cão ideal para sítios e chácaras porque precisa de muito espaço para crescer bem e feliz. Apesar de se adaptar com facilidade, a raça precisa de lugares abertos e grandes para se esparramar no chão e brincar ao lado dos tutores.

Dogue alemão na floresta

Devido ao porte gigante, o dogue alemão cresce mais feliz em lugares grandes (Foto: pixabay)

3. Fila brasileiro

Como o próprio nome já sugere, o fila é uma das raças de cachorros brasileiros e devido ao porte gigante, é ideal que seja criado em lugares espaçosos. De uma maneira geral, esse cão é obediente, corajoso, determinado e leal. Devido à essas características, trata-se de um excelente cão de guarda.

Reconhecido internacionalmente, o porte impressiona quem o encontra. Por exemplo, o macho dessa raça pode medir de 65 a 75 centímetros, enquanto as fêmeas de 60 a 70 centímetros.

Fila brasileiro na grama

O porte grande e o instinto protetor faz dessa raça ideal para chácaras e sítios (Foto: depositphotos)

4. Border collie

Border collie não é recomendado para viver em ambientes urbanos. Isso porque, é uma típica raça que possui tanta energia capaz de destruir móveis ou jardins caso fique entediado ou preso em casa por longos períodos.

De acordo com o especialista em animais de estimação e autor do livro “A inteligência dos Cães”, Stanley Coren, essa é a raça mais inteligente. Por isso tutores devem utilizar essa característica para trabalhar bons comportamentos com o pet.

Border collie correndo

Border collie foi criado para cuidar de rebanhos, por isso cresce mais satisfeito em sítios (Foto: pixabay)

5. Mastiff

Considerado o verdadeiro peso pesado do universo canino, o mastiff é ainda maior que o bullmastiff. É um cão devotado, digno e determinado. Por ser corajoso, também trabalha com excelência como cão de guarda.

O grandalhão pode ser agressivo, caso ele seja desafiado, e é alerta quando estranhos se aproximam. De uma maneira geral, tem uma natureza amigável e é leal com as pessoas da famílias.

Mastiff sério na grama

Esse cachorro é alerta com estranhos, por isso é um ótimo como cão de guarda (Foto: depositphotos)

6. Bullmastiff

O tamanho do bullmastiff pode até assustar pessoas e outros animais de estimação, mas a verdade é que esse cão é tranquilo, calmo e não agressivo. Contudo, devido ao grande porte vive melhor em ambientes espaçosos.

Precisa de caminhadas diárias, mas quando vive em sítios ou chácaras acaba crescendo feliz e satisfeito. No entanto, é importante que esses lugares espaçosos estejam sempre bem cercados.

Bullmastiff deitado na grama

Apesar do porte grande, é um cachorro tranquilo e não apresenta agressividade (Foto: pixabay)

7. Dobermann

Esse cão forte e instintivamente dominante é muito leal com todas as pessoas da família, mas precisa ser treinado e socializado desde filhote. É um cachorro muito receptivo e inteligente.

Antigamente, o dorberman era mais agressivo. Já nos dias de hoje, é um cão mais atlético e animado, precisando de espaços para gastar a energia e evitar o tédio.

Dobermann filhote

Para crescer feliz, o dobermann precisa de muito espaço (Foto: pixabay)

8. Rottweiler

Quem pretende deixar a casa do sítio ou da chácara protegida, pode contar com a ajuda de um rottweiler. Esse cão pode ser agressivo se necessário, porque defende o território quando ameaçado. Além disso, valentia é uma de suas principais características.

O instinto protetor aguçado é somado ao jeito nada amigável com estranhos. Mas, além dessas qualidades, a raça também é corajosa, receptiva e leal com o tutor.

Rottweiler sorrindo

Cachorro forte, corajoso e, se necessário, agressivo (Foto: depositphotos)

9. Pastor beauce

Pastor beauce é um guardião poderoso e leal. Por estas razões, é cauteloso com estranhos. Protege o território e a família contra possíveis perigos, sendo um excelente cão de guarda.

Chácaras ou sítios são ótimas opções para esses animais crescerem, uma vez que eles precisam de boas caminhadas ao longo do dia. Esse tipo de pastor é resistente e enérgico.

Pastor beauce fundo branco

O pastor beauce possui muita energia e é excelente cão de guarda (Foto: pixabay)

10. Staffordshire bull terrier

Com um corpo forte e resistente, o staffordshire bull terrier precisa de espaço para brincar, correr e gastar toda a energia que possui. Tem um temperamento tenaz e forte, podendo não se adaptar muito bem com outros cães.

No entanto, com o treinamento apropriado, torna-se uma excelente companhia para o dono. Ao passear, precisa de um momento solto, mas para isso o tutor precisa atentar-se ao ambiente, que deve estar seguro.

Staffordshire bull terrier na grama

Por ser muito enérgico, o cão dessa raça precisa de muito espaço (Foto: pixabay)

Bônus: vira-lata

O bom e velho vira-lata não poderia estar de fora dessa lista. Naturalmente, as zonas de rurais são a casa dos cães sem raça definida. Apesar do porte não ser tão grande, esses cães carregam uma alta energia. São brincalhões e adoram correr.

Vira-lata deitado na grama

Os sem raça definida também são inteligentes e protetores (Foto: pixabay)

Além disso, também podem se tornar excelentes cães de guarda, pois são cães muito inteligentes e protetores. Tudo isso, sem contar na personalidade cativante e no temperamento amoroso.

Sobre o autor

Avatar
Jornalista (MTB-PE: 6750), formada em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo, pela UniFavip-DeVry, escreve artigos para os mais diversos veículos. Produz um conteúdo original, é atualizada com as noções de SEO e tem versatilidade na produção dos textos.