, , ,

Pastor Australiano – Saiba mais sobre esta raça

Também chamado de aussie, o pastor australiano é um cão destinado ao trabalho de pastoril

Criado para pastorear rebanhos, o pastor australiano é o cão de trabalho mais popular da Austrália. Também chamado de aussie, este cão possui muita energia e por isso talvez não se adapte à vida pacata com facilidade. Em busca sempre do que fazer, o peludo dessa raça adora comandar qualquer animal, seja vaca, ovelha ou até mesmo galinha.

De acordo com o site da American Kennel Club (AKC), assim como as demais raças trabalhadoras, esta teve muitos outros nomes até chegar no atual. Pastor espanhol, pastor, bob-tail, blue heeler, new mexican shepherd e california shepherd foram algumas das nomenclaturas utilizadas para designar o atual pastor australiano.

Temperamento e personalidade do pastor australiano

O temperamento do cachorro dessa raça é instintivamente de protetor. Ele age como um cuidador não só do rebanho, mas também do território onde mora e da família que o acolheu. Equilibrado, este pet consegue ser, ao mesmo tempo, um ótimo companheiro para o tutor e um excelente cão de trabalho. 

Ainda que seja conhecido por pastor australiano, esse cão se desenvolveu nos Estados Unidos

Com alto nível de energia e uma inteligência acentuada, esse cão esta entre os 20 mais populares (Foto: depositphotos)

Já quando o assunto é a personalidade do pastor australiano é possível dizer que é um cão leal, atencioso e animado. Com um alto nível de energia e uma inteligência acentuada, o aussie esta entre os 20 cães mais populares, levando em consideração a lista elaborada pela AKC.

Dúvidas recorrentes

1. Quanto custa um pastor australiano?

Existem canis especializados na criação e procriação dessa raça no Brasil. Os preços variam de acordo com o vendedor e podem estar entre R$ 2.500 a R$ 6 mil. Mas, é sempre importante lembrar que a compra de cães só deve ser feita após conhecer as circunstâncias nas quais se encontram as mães dos filhotes. Infelizmente, alguns canis exploram as fêmeas e deixam os animais viverem em situação desumanas. 

Veja tambémAs raças mais inteligentes

2. Adapta-se em apartamento?

O aussie não deve ser levado para morar em apartamento, pois ele precisa de muito espaço para gastar o grande nível de energia que possui. Portanto, é necessário criá-lo em lugares onde há espaços abertos e seguros, proporcionando liberdade, brincadeiras e exercícios para esse animal.

3. É um bom companheiro para crianças?

O cachorro dessa raça é melhor criado ao lado de crianças maiores, isto porque o pet pode confundir a criançada menor com animais e acaba querendo pastorear. Contudo, se o dono investir em treinamentos desde o início da vida do cachorro, o animal vai ser um excelente companheiro para pessoas de qualquer idade.

4. Pastor australiano late muito?

Segundo informações da AKC, o pastor australiano só late quando necessário. Por exemplo, para avisar ao tutor que alguma coisa não está normal.

5. Apresenta problema ao ficar sozinho em casa?

Mesmo com todo o nível de energia alto que esse cachorro possui, ele não gosta de ficar sozinho em casa. Pelo contrário, ele prefere estar sempre na companhia do tutor ou das pessoas pelas quais ele sente um carinho especial.

6. Tem tendência a soltar muito pelo?

A pelagem dupla que protege o cachorro do frio pode oferecer um certo trabalho para o tutor. Isto porque, todo esse casaco pesado tende a soltar pelos durante todo o ano. 

Comportamento do pastor australiano

Segundo o PhD em medicina veterinária e autor do livro “Cães”, Bruce Fogle, o pastor australiano pode apresentar comportamentos estranhos quando subordinado ao dia a dia sedentário. “Todos adoram pastorear qualquer animal, de gado a galinha. Quando privados dessa atividade, podem querer arrebanhar humanos ou animais de estimação para vencer o tédio”, explica o especialista.

Ainda de acordo com Fogle, esse cão pastoreiro é “compulsivo”. Isto porque, mesmo após confinar os animais do rebanho, o impulso controlador não acaba e ele busca ficar sempre a frente dos subordinados.

Veja também: Raças de cachorro com mais energia

“Correr, brincar com outro cachorro, recuperar uma bola ou Frisbee, nadar ou participar de outras atividades são algumas maneiras pelas quais seu cão pode obter o exercício que ele precisa”, recomenda a AKC aos interessados por esta raça.

Características físicas

 

Cuidados específicos

O cachorro dessa raça pode apresentar predisposição genética à displasia coxofemoral, que pode ser prevenida se os pais do filhote estiverem saudáveis com relação a este tipo de problema. Outra doença comum no aussie é a dermatite, enfermidade evitada com cuidados básicos de banho e secagem regulares.

Além desses cuidados médicos, é importante que o tutor tenha sob controle o animal de estimação dessa raça. Isto porque, caso o dono não ofereça a quantidade de exercícios diários a este cão, ele pode acabar apresentando comportamentos destrutivos ou agressivos, devido a frustração.

Filhotes

O filhote de pastor australiano está ansioso para aprender e para agradar o tutor. Neste sentido, é importante aproveitar essa fase da vida do cachorro para ensiná-lo bons comportamentos e adestrá-lo seguindo as regras da casa. Conseguindo assim um cão adulto equilibrado.

Já quando o assunto é a saúde do filhote de aussie, o tutor deve estar trabalhando junto ao veterinário para garantir um crescimento saudável ao animal. Nesta primeira fase da vida do cachorro, alimentação, vacinação, vermifugamento e castração são as ações cruciais. 

Veja também: Cães que gostam mais de humanos que cachorros

Curiosidades desta raça

Apesar do nome, este cão não foi desenvolvido na Austrália. Segundo informações da AKC, a raça que hoje é conhecida como pastor australiano se desenvolveu exclusivamente nos Estados Unidos. A associação na nomenclatura existe pois acredita-se que o aussie tem parentesco com pastores bascos, animais que viveram tanto no território australiano como nos EUA, em 1800.

Na lista de raças mais populares feita pela AKC, o pastor australiano ocupa o 16º lugar. Sendo este cão considerado, pela organização, como exuberante, inteligente e orientado para o trabalho.

Expectativa de vida: 13 a 15 anos. Podendo variar para mais ou menos, dependendo do estilo de vida que o cachorro leva.

Origem do pastor australiano

Galeria de fotos

(Foto: depositphotos)

(Foto: depositphotos)

(Foto: depositphotos)

(Foto: Pixabay)

(Foto: depositphotos)

(Foto: depositphotos)