, , ,

Mastiff – Saiba tudo sobre esta raça

Eles são enormes e agem como protetores de sua família, estando sempre em alerta

Esta raça é popularmente conhecida como mastiff, mas de acordo com a American Kennel Club (AKC) ela é descrita corretamente como mastiff inglês antigo. Como o próprio nome já induz, a raça se originou na Grã-Bretanha e tinha como objetivos ser usado como cão de guarda, caçadores ou guerreiros.

O verdadeiro peso pesado do mundo canino, o próprio nome deriva de “masty” que significa “poderoso”. De porte grande, ele é ainda maior que o bullmastiff. Mas, mesmo com o tamanho gigante e a cara séria, trata-se de um cachorro gentil.

Temperamento e personalidade do mastiff

Mesmo que esses cães tenham sido criados para serem guerreiros, hoje eles possuem características necessárias para um cão de companhia. Com um temperamento dócil e paciente, os cachorros dessa raça conseguem ser ideais para viverem em qualquer tipo de família.

O mastiff pode ficar infeliz e involuntariamente destrutivo caso ele passe a habitar lugares apertados

Esse cão pode responder com agressividade caso ele venha a se sentir ameaçado (Foto: depositphotos)

Ao mesmo tempo, possuem uma personalidade corajosa e determinada. Outros pontos que merecem destaque são a lealdade e a devoção que esses cães podem ter com relação ao tutor. Por isso que os mastiffs amam e desejam estar por perto e em contato com a família. Mesmo com tudo isso, são animais reservados, não demonstrando muito seus sentimentos.

Dúvidas recorrentes

1. Quanto custa um mastiff?

Trata-se de um cachorro muito caro, variando de R$ 2.500 até R$ 10 mil. Mas, é sempre importante lembrar que a compra de cães só deve ser feita após conhecer as circunstâncias nas quais se encontram as mães dos filhotes. Infelizmente, alguns canis exploram as fêmeas e deixam os animais viverem em situação desumanas. 

2. Adapta-se em apartamento?

O enorme porte desse cachorro alerta para que ele não seja levado a viver em apartamento. Mesmo sem precisar de muito exercício, o mastiff pode ficar infeliz e involuntariamente destrutivo caso ele passe a habitar lugares apertados. Por isso é ideal que ele more em casas com bons espaços, tanto ao ar livre como também fechados.

3. É um bom companheiro para crianças?

Paciente do jeito que é, o cachorro dessa raça é um ótimo companheiro para as crianças de todas as idades. No entanto, é importante que o tutor acompanhe a relação entre os pequenos seres humanos e um mastiff, tendo em vista que ele é forte demais para ser controlado pelas crianças.

Veja também: 10 cães completamente felizes por serem grandes bobões

4. Mastiff late muito?

De acordo com o site da AKC, este animal só late quando é necessário. Por exemplo, é um excelente cão de alerta, pois apresenta um comportamento vigilante ao ver que estranhos estão se aproximando do território. Pelo instinto protetor da família, é excelente cão de guarda.

5. Apresenta problema ao ficar sozinho em casa?

Os cães dessa raça são afetuosos, por isso gostam de estar na presença do tutor. Por esta razão, não gostam de ficar em casa sozinhos, precisando de contato com a família de forma frequente.

6. Tem tendência a soltar muito pelo?

Com uma pelagem simples, o mastiff não apresenta tendência a soltar muito pelo. O derramamento da pelagem ocorre de forma sazonal, quando há a troca de pelos. Nestes períodos, é indicado que o tutor escove o animal para retirar a camada de pelo morto.

Comportamento do mastiff

A natureza desse cachorro é calma e leal, mas ele pode responder com agressividade caso ele venha a se sentir ameaçado. Por isso é considerado um cão de guarda, protegendo não só o território como também a família.

Socialização é uma necessidade na vida de um mastiff. Realizar treinos e adestramento são algumas das opções para criar um cão amigável, gentil e comunicativo. Além disso, o dono pode investir em passeios onde o animal possa encontrar com mais pessoas e outros animais. Geralmente, ele é confiável perto de gatos.

Com relação ao nível de energia, o cachorro dessa raça apresenta um grau mediano. Adora se exercitar, mas não é um cão exigente. Mesmo com todo esse tamanho, uma caminhada ao ar livre vai ser o suficiente para deixar o cachorro alegre e feliz. 

Veja também: 40 Nomes para cachorros de grande porte. Se inspire!

Características físicas

Cuidados específicos

Segundo o órgão responsável pelo cadastramento de animais de raça, a AKC, o mastiff pode apresentar alguns problemas de saúde. Câncer de osso, linfoma e displasia do quadril ou do cotovelo, são algumas das doenças que podem afetar este cão.

Além destas, é possível destacar ainda a atrofia retiniana progressiva (ARP), o surgimento de cálculos renais e o timpanismo, que pode levar à torção gástrica.

Neste sentido, quando o cachorro é diagnosticado é indicado que o tutor busque um veterinário o quanto antes. E, para prevenir estes problemas, é importante se certificar se os pais do filhote foram submetidos a exames que identificam algumas dessas doenças. Isto porque, muitas delas são hereditárias.

Filhotes

Cães de grande porte desenvolvem-se lentamente. Por isso, filhotes de mastiff devem ser exercitados com moderação, pelo menos nos dois primeiros anos de vida do cachorro. Com isso, o tutor evita que o animal tenha problemas nas articulações.

Além disso, o tutor precisa ficar atento a saúde desses animais logo nos primeiros meses de vida. Pois quando são filhotes os cachorros não possuem o sistema imunológico completo e por isso precisam receber vacinas polivalentes, remédios contra vermes etc.

Veja também: Conheça as raças de cachorros mais enrugadas

Curiosidades desta raça

A pelagem não oferece muito trabalho, mas em compensação o mastiff tem tendência a babar muito. Sendo assim, pode apresentar um certo trabalho para o tutor.

Antigamente, o cachorro dessa raça era colocado para duelar contra gladiadores humanos, leões, touros, ursos e tigres.

Expectativa de vida: 6 a 10 anos. Podendo variar para mais ou menos, dependendo do estilo de vida que o cachorro leva.

Origem do mastiff

Galeria de fotos

(Foto: depositphotos)

(Foto: depositphotos)

(Foto: depositphotos)

(Foto: depositphotos)

(Foto: depositphotos)

Sobre o autor

Avatar
Jornalista (MTB-PE: 6750), formada em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo, pela UniFavip-DeVry, escreve artigos para os mais diversos veículos. Produz um conteúdo original, é atualizada com as noções de SEO e tem versatilidade na produção dos textos.