Pular para o conteúdo

Boa ação. Câmera registra homem ajudando cão de rua durante frio

No registro, o homem se aproxima de um cachorro e tira a própria jaqueta e dá para o animal se aquecer

Mesmo que várias localidades do hemisfério norte do planeta estejam sendo castigadas com o frio intenso do inverno, o coração de algumas pessoas continuam muito quentes e cheios de amor.

Recentemente, mostramos um grupo de pessoas em Istambul, Turquia, que vem ajudando animais de rua oferecendo-os comida e camas improvisadas para que possam suportar o frio da estação. Além disso, várias pessoas têm aberto as portas de suas lojas para que os animais possam se manter aquecidos, a noite.

Na cidade de Giresun, também na Turquia, uma câmera de segurança flagrou uma situação que enche o coração de esperança na humanidade. Durante uma nevasca, um homem se aproxima de um cachorro que está sozinho aguentando o frio e não só o oferece comida, como também tira a própria jaqueta e põe por cima do animal para que ele possa se aquecer.

O vídeo foi postado no Facebook no último dia 31 (terça-feira) e rapidamente “viralizou”, tendo mais de 74 mil visualizações até o momento em que esse post foi escrito.

Não demorou muito até que a identidade do “bom samaritano” fosse descoberta. Seu nome é Bülent Kalpakçıoğlu e ele é um servidor público de Giresun. Quando questionado sobre sua ação, o turco contou que aquilo era o mínimo que ele poderia fazer.

“Se eu não desse a minha jaqueta para o cachorro, eu seria consumido por minha consciência,” contou Bülent ao The Dodo. “Enquanto descansamos em uma casa quente e confortável, eles estão do lado de fora passando frio”.

O caso ganhou tanta repercussão, que Bülent ganhou um certificado de apreço por sua ação exemplar do prefeito de sua cidade, Kerim Aksu.

Fotos: Reprodução/ Giresun Belediyesi

“Com a sua atitude, ele conseguiu dar a todos nós uma lição de humanidade,” contou Kerim durante a pequena cerimônia de premiação. “Animais são nossos amigos. Nós amamos as pessoas, nós amamos nossa cidade, nóss amamos todas as coisas vivas que são parte integral de nós e de nossa cidade”.

 

Voltar para o topo