Pesquisa revela que grande parte dos tutores dorme junto com seus cachorros

Poucas coisas na vida são tão gostosas e prazerosas quanto dormir abraçadinho com quem a gente ama. E inúmeras pessoas têm levado isso muito a sério, passando a dividir a cama com seus animais de estimação. Uma pesquisa realizada pelo Instituto QualiBest revelou que 52% dos tutores de cães da raça lhasa apso dormem com seus cachorros na mesma cama.

A pesquisa mostrou ainda que entre todas as raças de cães, a lhasa apso é a que mais está presente nas viagens junto com seus tutores (26%).

Segundo pesquisa realizada pela Comissão de Animais de Companhia (Comac), 55% das demais raças dormem dentro de casa no Brasil e 23% dormem junto com os seus donos.

Veja também: Ciência comprova: seu cão se parece mais com você do que você imagina

Faz mal dormir com cachorro na cama?

Dividir a cama com o seu cachorro é algo que divide opiniões. Há quem acredite que esse hábito não é algo saudável para a relação entre tutor e animal. Mas existe também os que defendem que não existe problema algum na prática.

A verdade é que existe o lado bom, como também o ruim em dormir junto com seu cachorro. Como diminuir a ansiedade e se sentir mais protegido ao lado do cão.

O tutor que prefere dormir com o seu pet precisa tomar alguns cuidados

Dividir a cama com o seu cachorro divide opiniões (Foto: depositphotos)

Mas problemas relacionados à higiene e até mesmo à alergias, doenças respiratórias e outros problemas que afetam diretamente a saúde podem surgir na vida de quem pratica o hábito de dormir na mesma cama que o cachorro.

Veja também: Quais raças de cães não se adaptam bem em apartamentos?

O hábito também pode fazer com que o cachorro se acostume a dormir somente na cama e no dia em que o tutor não quiser dividir o espaço, haverá um grande problema nisso. Essa situação pode ficar ainda pior: quando o cão ficar mais velho, ele poderá sofrer com incontinência urinária e até mesmo diarreia.

Cuidados ao dormir com o pet na mesma cama

Se você é um tutor que prefere dormir junto com o seu pet é importante tomar alguns cuidados antes para evitar possíveis problemas, principalmente que afetem a saúde tanto do tutor, como também do próprio cachorro.

Veja também: O seu cão te segue até o banheiro? Descubra o que ele quer dizer com isso

Vacinas: verifique se o cachorro está com todas as vacinas em dia e se a saúde dele está sob controle.

Higiene: a higiene do pet também é algo essencial para quem pretende dormir junto com o cão. O animal deve tomar banho semanalmente, ter as patas higienizadas todas as vezes que andar na rua e não conter, em hipótese alguma, pulgas e carrapatos.

Pelos: troque a roupa de cama pelo menos uma vez por semana. Mas caso o cachorro solte muito pelo, a troca deverá ser feita todos os dias.

Sobre o autor

Avatar
Formada em Jornalismo pela Unicap, pós-graduada em Comunicação Empresarial e Mídias Digitais pela Devry, fez intercâmbio na ETC School, em Bournemouth (UK) e tem experiência nas áreas de assessoria de comunicação, produção de vídeo e foto e redação.