Personalidade e comportamento do husky siberiano: 20 verdades

Desde filhote é possível conhecer um pouco da personalidade e comportamento do husky siberiano. E se você é uma pessoa encantada com essa raça e pensa em ter um, entenda mais sobre como esse animal se comporta.

De uma forma geral, o husky siberiano é tido como um animal alerta e inteligente. Mas outras características também são atribuídas a esse pet, a exemplo de extrovertido, amigável e gentil. Nesse artigo, você pode conferir 20 verdades sobre o temperamento da raça.

Além de entender a personalidade e comportamento do husky siberiano, você também fica por dentro de outras informações importantes. Por exemplo, você sabe quais são as cores dessa raça? Ou sabe como cuidar de um husky?

Ainda com esse artigo, você descobre qual a melhor opção: se comprar um filhote de husky siberiano ou adotar um. Todas essas questões são respondidas no decorrer do texto. Por fim, você pode avaliar se esse cão combina ou não com seu estilo de vida.

Personalidade e comportamento do husky siberiano

Como parte da personalidade e comportamento do husky siberiano está a teimosia

O husky siberiano tem muita energia, demandando atividades físicas diárias (Foto: depositphotos)

  • Alerta
  • Inteligente
  • Extrovertido
  • Amigável
  • Gentil
  • Leal
  • Determinado
  • Meigo
  • Enérgico
  • Receptivo
  • Independente
  • Afetuoso
  • Perspicaz
  • Reservado
  • Adaptável
  • Sociável
  • Apegado
  • Dócil
  • Companheiro
  • Resistente

Veja também: 10 raças caninas que mais se parecem com lobos

Alerta

O husky siberiano vive atentamente para tudo o que lhe cerca. Mas apesar de ser um cão alerta, não apresenta um comportamento agressivo. Independentemente se for reagir a um animal ou a pessoas desconhecidas.

Inteligente

Outra característica importante de se destacar com relação ao husky é a inteligência da raça. Inclusive, ela deve ser aproveitada e trabalhada desde filhote, quando o animal aprende com mais facilidade. Nesse sentido, ainda com o cão pequeno inicie o processo de adestramento.

Extrovertido

Se você busca um companheiro extrovertido, saiba que você pode encontrá-lo no husky. Cheio de vida, a raça é do tipo que adora brincar com a família de humanos, principalmente em lugares abertos.

Amigável

É impossível olhar para o focinho do husky e não perceber o quão amigável ele é. Isso porque a raça já possui uma aparência convidativa para criar um laço de amizade verdadeiro e duradouro com o tutor.

Gentil

Essa característica é observada tanto pela American Kennel Club (AKC) como também pela Confederação Brasileira de Cinofilia (CBKC). Ambos os órgãos afirmam que o husky é um cão de gentilezas.

Leal

Assim como todas as raças, o husky siberiano é um cachorro leal ao tutor. Por ter sido criado para puxar trenós, convive com os humanos desde cedo. Nesse sentido, aprendeu a viver em harmonia e companheirismo com as pessoas.

Veja também: Descubra quais as raças de cães que puxam trenós

Determinado

Uma das poucas características preocupantes da raça é a determinação. Esse fator pode testar a paciência do tutor, pois ele implica no processo de aprendizagem do animal. Quanto mais determinado o cachorro é, mais teimoso ele pode ser.

Meigo

Mas quando o assunto é o relacionamento entre tutor e cão, essa raça demonstra-se meiga. Portanto, trata-se de um animal cheio de amor para oferecer aos donos.

Enérgico

Se você não gosta de fazer caminhadas ou de exercícios físicos, não deve pensar em ter um husky. Isso porque essa raça é extremamente enérgica e por isso precisa de muita atividade para gastar a energia. É indicado exercitá-lo pelo menos uma vez por dia.

Receptivo

Ter um husky siberiano em casa é ter a certeza de que ao chegar, você terá uma grande recepção. Independentemente de quanto tempo você vai passar fora de casa, seja 5 minutos ou uma semana a alegria da recepção será a mesma.

Independente

Outra característica preocupante é a independência. Esse ponto é quase que uma consequência da determinação, também apresentada pela raça. Sendo assim, donos inexperientes podem encontrar problemas para treiná-lo ou exercitá-lo.

Afetuoso

Mesmo sendo um pouco teimoso, o husky siberiano também tem um lado afetuoso. Por isso apresenta um histórico de bom relacionamento com humanos.

Perspicaz

Animado, bem-disposto e divertido. Essas são as características que definem o comportamento de um husky. Por isso, se você quer diversão ao lado de um amigo de quatro patas, leve agora um cão dessa raça para casa.

Reservado

Enquanto é um animal perspicaz com os humanos da família, é reservado com pessoas desconhecidas. Contudo, não faz o tipo agressivo, apenas apresenta uma certa desconfiança com quem não possui intimidade.

Adaptável

Quem olha para um husky siberiano com toda a longa pelagem, acredita que essa raça não pode viver em lugares mais tropicais. Porém, esse é um cão adaptável e por isso pode conviver com o calor, desde que seus humanos possam lhe proporcionar conforto.

Sociável

Como foi criado para trabalhar em matilhas, transformou-se em um cão sociável com os cachorros de mesma raça. Entretanto, pode perseguir animais menores, inclusive outros cães de porte inferior. Por isso, é preciso cuidado com esses pequenos dentro e fora de casa.

Apegado

Uma vez conquistado o coração do husky, esse laço é para sempre. Isso porque o cão dessa raça é muito apegado. Por isso também sofre bastante se for deixado em casa sozinho por muito tempo.

Dócil

Por ser apegado com a família é também um cachorro extremamente dócil. Gosta de ficar perto de quem ama e tem a ânsia de fazer sua família feliz. 

Veja também: Curiosidades sobre o Husky Siberiano

Companheiro

Com todas essas características, é possível afirmar que esse cachorro é um companheiro bom. Contudo, é preciso esforço para que ele possa desfrutar de uma vida tranquila e saudável.

Resistente

Por fim, vale ressaltar ainda que trata-se de um cão resistente. Como foi criado para puxar trenós, precisa de muitas brincadeiras e atividades durante o dia. Assim, com essas necessidades atendidas pode se tornar um cão calmo e sem tédio.

Informações e características importantes

Mesmo estando por dentro das características temperamentais da raça, você que deseja um cão desse precisa entender um pouco mais. Por exemplo, antes de escolher é necessário saber quais são os tipos que existem com relação a cor.

Depois disso é a hora de conferir a melhor opção: adotar ou comprar? Por fim, você ainda vai precisar saber quais os cuidados com a saúde desse animal e quais são as doenças mais comuns nesse cachorro.

Faz parte da personalidade e comportamento do husky siberiano a resistência

Os cães dessa raça podem apresentar heterocromia, ou seja, cada olho de uma cor (Foto: depositphotos)

Cores do husky

De acordo com a Confederação Brasileira de Cinofilia, todas as cores são possíveis nos cães da raça husky siberiano. Além disso, olhos azuis não são raros nesses cães, assim como os que possuem heterocromia (olhos de cores diferentes).

Husky siberiano filhote: comprar ou adotar?

Atualmente, os preços de um filhote de husky siberiano variam entre R$ 1 mil a R$ 2 mil. Contudo, antes de comprar um cão desses, avalie se o vendedor tem um trabalho sério. Infelizmente, muitos animais são explorados para render lucros aos seus criadores.

Para evitar de vez o sofrimento desses cães, existe a adoção como opção. Isso porque, algumas Organizações Não Governamentais (ONG’s) acabam resgatando animais de canis clandestinos e os colocam para adoção. Adotando você estará também salvando vidas.

Veja também: Husky siberiano – Saiba tudo sobre esta raça

Como cuidar de um cão dessa raça?

Antes de mais nada, é preciso cuidar da saúde desse cachorro desde a fase filhote. Ainda pequeno, o cão precisa tomar vacinas polivalentes, para evitar doenças como parvovirose, cinomose e até hepatite. Além disso, é preciso estar atento as medidas preventivas contra carrapatos, pulgas e vermes.

Durante a fase adulta, todos esses cuidados anteriores são necessários. Contudo, existem outros cuidados, principalmente com relação as doenças mais comuns, como: problemas oculares, incluindo atrofia progressiva da retina e cataratas.

Husky siberiano: ter ou não ter um?

Pronto, agora você já sabe a personalidade e comportamento do husky siberiano. Também já está por dentro dos principais cuidados e características dessa raça. Por fim, só resta avaliar se esse é o cão ideal para você criar em casa com sua família.

Lembre-se sempre de levar em consideração características como alerta, inteligente e extrovertido. Além disso, o husky siberiano também é amigável e gentil. E claro, para ter um filhote desse você precisa ter uma vida ativa.

Sobre o autor

Avatar
Jornalista (MTB-PE: 6750), formada em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo, pela UniFavip-DeVry, escreve artigos para os mais diversos veículos. Produz um conteúdo original, é atualizada com as noções de SEO e tem versatilidade na produção dos textos.