Cachorros sabem diferenciar se o sorriso é de raiva ou de alegria

A tese é defendida por dois estudos científicos

Os cães são bem mais inteligentes do que os seus tutores imaginam. De acordo com alguns estudos feitos nesses dois últimos anos, os cachorros conseguem diferenciar expressões humanas, como a alegria e a tristeza.

Essa capacidade de reconhecimento de emoções entre espécies diferentes parecia ser algo exclusivo dos humanos. Todavia, as pesquisas comprovam que os cães também possuem essa habilidade.

A justificativa para esses resultados ainda não está clara, mas para muitos cientistas há indícios que podem ser apontados como possíveis explicações.

Por exemplo, os animais se adaptaram muito rapidamente ao ambiente humano e com isso desenvolveram habilidades de prestar atenção e entender a comunicação dos seus tutores, sem precisar de falas. Duas pesquisas foram desenvolvidas nesse sentido, uma na Áustria e outra no Brasil.

Os cachorros conseguem perceber e diferenciar sorriso e expressão de alegria e raiva

Segundo estudos, cães conseguem diferenciar expressões faciais de humanos (Foto: depositphotos)

Estudo defende que cães reconhecem expressões de alegria e raiva

Utilizando o experimento em cães como o border collie, pastor alemão e golden retriever, os pesquisadores da Universidade de Veterinária de Viena descobriram que eles conseguiam reconhecer as expressões de alegria e raiva de seus tutores.

O interessante é que os animais conseguiam perceber com mais facilidade quando se concentravam mais na metade esquerda do rosto de seus donos.

Veja também: Animais de estimação podem estimular o desenvolvimento das crianças

Outro fato interessante é que os cães percebiam a felicidade de forma mais rápida, se comparada a situação de ira retratada nos rostos dos humanos. Para um dos autores do estudo, Corsin Müller, os cães devem associar a expressão alegre com momentos positivos, enquanto que a de raiva pode ser relacionada a algo negativo.

Esse mesmo estudo também pretende estender seus testes com outros animais que convivem com o ser humano, como porcos e gatos. Além disso, a pesquisa busca se estender com outros cães, a exemplo do lobo que não possui muito contato com os homens.

Desta forma fica possível saber se essa relação é construída entre cães domesticados, ou se já é uma habilidade natural dos animais, uma capacidade carregada desde o código genético.

Veja tambémRaças de cães que se dão bem com outros animais

Cães saberiam diferenciar expressões

Para fazer a diferenciação, os pets se concentram mais na metade esquerda do rosto dos donos

Os cães conseguem fazer diferenciação de humor dos humanos devido a sua alta sociabilidade (Foto: depositphotos)

Associada ao Instituto de Psicologia (IP) da Universidade de São Paulo (USP), a bióloga Natalia de Souza Albuquerque também chegou a conclusão que os animais não só reconhecem, mas também sabem diferenciar uma cara feliz de uma com raiva.

Esse estudo não é só importante para reafirmar o conteúdo divulgado anteriormente pela universidade da Áustria e sim evidenciar uma característica que os cães possuem, mas que só era atribuída aos humanos. Isto é, a capacidade de entender as expressões em seres da mesma espécie e em espécies diferentes.

Veja também: Entenda por que os cães se estressam e saiba como tratar isso

A bióloga ainda destaca que essa seria uma habilidade própria dos peludos, uma vez que eles são animais naturalmente sociais e que em seu passado evolutivo já teriam interagido com coespecíficos, em outras palavras, animais da mesma espécie.

Sobre o autor

Avatar
Jornalista (MTB-PE: 6750), formada em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo, pela UniFavip-DeVry, escreve artigos para os mais diversos veículos. Produz um conteúdo original, é atualizada com as noções de SEO e tem versatilidade na produção dos textos.