Você Sabia? Crianças com animais de estimação são mais felizes

Segundo a pesquisa “Os animais de estimação e o lar”, a maior vantagem em ter animais em casa é que estes deixam um ambiente mais alegre e tutores felizes


Ter um peludo em casa é sinônimo de responsabilidade e compromisso, por isso muitos pais evitam dar um cachorrinho aos filhos por acreditarem que estes ainda não estão prontos para assumir o desafio de cuidar de um ser vivo.

Contudo, subestimar a capacidade de uma criança em cuidar de um animal de estimação é também uma forma de tirar a oportunidade da mesma de aprender a ser responsável e, de acordo com um estudo elaborado por uma plataforma digital líder em decoração do lar, é impedir que os filhos sejam felizes.

Isso mesmo, segundo a pesquisa “Os animais de estimação e o lar”, a maior vantagem em ter animais em casa é que estes deixam um ambiente mais alegre e, consequentemente, os tutores mais felizes.

Você Sabia? Crianças com animais de estimação são mais felizes

Foto: depositphotos

Dos 110 mil entrevistados, 82% afirmaram que a felicidade é o bem mais precioso da relação cão e tutor, inclusive quando envolvem crianças. Ainda de acordo com os resultados do estudo, os peludos ainda são capazes de mudar a personalidade dos pequenos, de retraída à extrovertida.

Porque os cães melhoram o humor das crianças?

A própria noção de responsabilidade, a de dever cumprido e a certeza de não está sozinho em nenhuma circunstância são justificativas para essa relação dar tão certo.

Além disso, a presença de um animal é capaz de alterar as taxas do organismo, favorecendo a presença de substâncias boas no corpo. Para entender melhor como os cães influenciam na felicidade do tutor é preciso compreender:

  • A atuação dos peludos na diminuição dos níveis de estresse e no aumento de serotonina, um neurotransmissor responsável pelas sensações de bem-estar e prazer. Isso ocorre porque os animais fazem com que os donos soltem boas risadas e facilitem o processo de respiração;
  • A certeza de que o tutor sempre terá com quem contar, seja em momentos difíceis ou em situações felizes. Por exemplo, quando a criança chega da escola, ela terá alguém a esperando com muito entusiasmo, isto é, um animal que guardou energia para compartilhar com brincadeiras junto aos pequenos. Além disso, a infância é um período de instabilidade, por isso o pequeno pode se sentir incompreendido pelos pais, mas terá um “ombro amigo” ao lado do seu pet;
  • A obrigação em passear com o peludo também é uma maneira de contribuir com o bem-estar do tutor, isso porque o contato com mais pessoas, outros animais e com ambientes abertos são formas de aumentar a felicidade da criança;
  • A sensação de cuidar de alguém e ver que este ser depende de você são formas de acentuar a felicidade das crianças. Além de contribuir para a formação de adultos mais sérios, compromissados e responsáveis.


Reportar erro