Entenda por que os cães se tornam agressivos

Muitas pessoas acreditam que o cão ser agressivo ou tranquilo é algo que depende apenas da raça dele. Mas isso não é verdade


Muitas pessoas acreditam que o cão ser agressivo ou tranquilo é algo que depende apenas da raça dele.

Por exemplo, os cães como o pit bull ou o Rottweiler são extremamente perigosos e violentos, enquanto beagles ou pugs são sempre muito calmos. Mas esse pensamento precisa ser mudado.

O comportamento canino vai variar muito de acordo com o modo como eles são criados. Descubra quais são os motivos que deixam os cães mais agressivos e saiba como evitar o problema.

Como os cães se tornam violentos

Entenda por que os cães se tornam agressivos

Foto: depositphotos

Medo ou dor

Cães que passaram por algum trauma ou que são bastante medrosos costumam ser agressivos como uma forma de defesa para que aquilo que eles temem não se aproximem deles.

Os cachorros feridos ou que estão sentindo muita dor também costumam apresentar um comportamento mais violento pelo fato de temerem que alguém se aproveite de seu momento de vulnerabilidade.

Hora da refeição

Não são só os cães de rua que ficam bravos com quem se aproxima de sua comida. Esse mesmo comportamento costuma ocorrer com os cachorros domésticos, que acabam rosnando ou mordendo qualquer um, mesmo o tutor, que se aproxime deles na hora da refeição.

Se seu cachorro ainda for um filhote, procure estabelecer uma relação de confiança entre você e ele. Faça carinho no animal enquanto ele come, dê comida da mão e mostre que o fato de você estar perto dele não significa que irá roubar a comida.

Caso seu cão já se encontre na fase adulta, o ideal é procurar um adestrador para ajudar com o problema.

Possessividade

É normal o cachorro criar um grande apego e gerar uma relação de posse com algum objeto, como pano, bola ou sofá. Esse sentimento acaba deixando o cão muito agressivo com quem se aproxima dele.

É importante que o animal crie um espírito de liderança, mas o tutor deve evitar deixá-lo se sentir o rei da casa. Estabeleça limites e regras, principalmente nos comportamentos de possessão.

A questão do sentimento de posse do cão não se resume apenas a um objeto que ele tem apego, pois isso também pode acontecer em relação ao tutor dele. É normal cães muito possessivos ficarem agressivos com as visitas quando elas abraçam os donos do animal.

Criação

Muitos donos criam os cães para que eles virem “máquinas assassinas”. A maioria dos tutores que fazem isso, usam o cachorro para que eles sirvam de guarda, por exemplo,

Mas criar um cão para que ele seja um cachorro extremamente agressivo, não irá torná-lo um bom guarda, apenas um animal em que não se pode confiar.

Personalidade

Muitas vezes há algo muito forte que determina se o cão será mais tranquilo ou agressivo: a natureza dele. E isso é algo que é independente da raça. Assim como existem poddles violentos existem pit buls muito calmos e pacíficos.


Reportar erro