Cuidados com os cachorros que vivem no quintal de casa

Os cachorros que vivem fora de casa necessitam de abrigo e um local confortável para dormir e se alimentar, além de outros cuidados


Ter uma área externa na casa, na qual o seu animal de estimação possa se exercitar, é bastante recomendado pelos veterinários.

No entanto, não basta ter um bom espaço para o seu cãozinho, pois o tutor deve estar atento a alguns cuidados e confortos para que os pets estejam protegidos de doenças e outros problemas.

Os cachorros que vivem fora de casa também precisam de abrigo e um local adequado para dormir e se alimentar. Neste artigo, veja algumas dicas de confortos e cuidados para os cães que vivem no quintal.

Conforto para os cães que vivem no quintal de casa

cuidados-com-os-cachorros-que-vivem-no-quintal-de-casa

Foto: depositphotos

Os cachorros que vivem fora de casa necessitam de abrigo e um local confortável para dormir e se alimentar. Caso não haja uma área de serviço, garagem ou varanda coberta, o tutor deverá providenciar uma casinha para o seu animal de estimação.

De acordo com especialistas, a melhor opção é construir um canil, que servirá como o espaço exclusivo do cachorro, onde ele terá cama, comida e área para descansar.

O material mais indicado para a construção da casinha é a alvenaria, mas há opções de madeira, plástico e metal. O tutor deve se lembrar que, apesar de ter o seu cantinho, o cachorro deve ficar solto a maior parte do dia.

Para uma área externa segura e confortável, também é importante que o animal disponha de área ao ar livre, para tomar sol e se exercitar. É necessário que o local seja limpo e seco.

O cantinho bem planejado e higienizado para o cachorro deve ser dividido entre área calçada (piso áspero) e grama, pois proporciona mais mobilidade.

Cuidados com os cães na área externa de casa

Além de preparar um cantinho para o cachorro, os tutores também devem estar atentos a outros detalhes. Se a área externa possui plantas, você deve saber que algumas delas podem ser altamente tóxicas para o seu animal de estimação.

Dentre as plantas que podem trazer sérios problemas de saúde ao seu amigo canino estão a espada de São Jorge e azaleia.

Os portões devem ser mantidos fechados, pois, apenas com um pequeno descuido do tutor, o cachorro poderá sair de casa. Quando os animais ainda são filhotes, é necessário estabelecer regras e ensinar ao cãozinho quase são os limites, colocando grades ou muros nas áreas que ele não pode ocupar.

O tutor também deve se lembrar de que ter um ótimo espaço externo para o seu pet não supre a necessidade de passeios, tampouco de atenção e carinho.


Reportar erro