Cadela busca consolo no colo de voluntária após ser abandonada

Muneca encostou a cabeça no ombro da voluntária, como se buscasse um consolo e foi fotografada. A fotografia que salvou a sua vida


Com 18 anos de idade e cega, a dachsund, Muneca, foi abandonada nas proximidades de um abrigo que pratica a eutanásia em animais muito idosos e doentes.

Uma das voluntárias do abrigo, Elaine Seamans, pegou a cadelinha nos braços para levá-la para dentro. Muneca encostou a cabeça no ombro da voluntária, como se buscasse um consolo e foi fotografada. A fotografia que salvou a sua vida.

“Quando cheguei ao abrigo, Elaine já estava segurando-a e a cachorra estava se agarrando a ela”, disse John Hwang, o homem que conseguiu registrar a foto tocante.

cadela-cega-e-idosa-nos-bracos-de-voluntaria-de-abrigo

Foto: Reprodução/ John Hwuang

Graças a fotografia tocante e a grande visibilidade que ela ganhou após viralizar nas redes sociais, uma organização que se dedica a animais idosos chamada Frosted Faces Foundation interviu e tirou a cadelinha do abrigo onde ela estava.

Felizmente várias pessoas se voluntariaram à adotar a cadelinha. Não demorou muito até que o abrigo escolhesse o lar mais adequado e ela ganhasse uma nova família e uma casa onde ela pudesse passar o resto de seus dias feliz e saudável.

Com informações de ANDA


Reportar erro