Câncer nos cachorros – Saiba tudo sobre esta doença

O câncer é a doença que mais mata cães de diversas idades e raças


Além de atingir às pessoas, o câncer também faz, anualmente, muitas vítimas caninas, sendo, inclusive, a doença que mais mata cachorros. Infelizmente ainda não se conhecem métodos que possam impedir o câncer de acontecer em nossos amigos caninos e, por isso, é importante ficar atento aos sinais para detectar a doença previamente e tratar com tempo de recuperá-lo totalmente. Assim como nos humanos, o câncer nos cães, quanto mais cedo for detectado, mais fácil será de trata-lo.

Câncer nos cachorros

Foto: Reprodução

Sinais

Como citamos anteriormente, existem alguns sinais que podem ser alertas para os donos de cães. Confira alguns abaixo:

Mudança dos hábitos de urinar e defecar

Fique atento caso o seu cão passe por qualquer alteração na frequência com que precisam defecar ou urinar. Se aumentar a quantidade de vezes, ou ainda se o cão apresentar dificuldades para qualquer dessas duas funções básicas do corpo, procure um profissional. Outro indício forte do câncer em animais é o sangue na urina e nas fezes, portanto fique atento.

Sinais de dor

Os cães não podem falar, mas emitem alguns sinais de que estão sentindo dor. Fique atento se ele estiver mancando ou apresentar quaisquer sinais de dor ao correr, andar, pular, pois esta dificuldade pode indicar problemas nas articulações ou ainda nos músculos.

Depressão

Seu cão era super brincalhão e de repente ficou diferente, dormindo mais, não se anima para passeios e brinca menos do que o habitual? Fique atento: esse pode ser um sinal de câncer, pois quando este chega ao pulmão pode causar esses sintomas.

Mudança no apetite e perda de peso

O organismo de um cão funciona por instinto. Se o corpo precisa de alimentos, ele come. Portanto, caso perceba que ele tem parado de se alimentar, procure um veterinário. Isso pode ser sinal de muitas doenças, inclusive do câncer de boca. Além disso, a perda de peso também é um dos sinais do câncer, e deve ser um alerta para os donos.

Feridas que não cicatrizam

Um cão possui um processo de cicatrização, assim como as pessoas. Caso a ferida esteja demorando para cicatrizar, este pode ser um sinal de infecções, doenças de pele ou até mesmo de câncer. Além disso, caroços e inchaços devem receber atenção extra: nem todos são cancerígenos, mas alguns são e a única forma de descobrir é procurando um profissional.

Cheiros e substâncias anormais

Um dos sinais que o corpo de um cão dá de que está doente com câncer, é a mudança dos cheiros: odores fortes na boca, orelha ou em qualquer parte do corpo. Se qualquer parte do corpo estiver sangrando ou com pus, este também pode ser um sinal, assim como vômitos ou diarreias.


Reportar erro