A insuficiência renal em cães

As doenças renais são comuns em cães, principalmente nos idosos. Conheça as causas, sintomas e tratamento da insuficiência renal nesses pets


As doenças renais são problemas clínicos comuns em cães e gatos, principalmente naqueles que já estão idosos. A insuficiência renal ocorre devido a algum problema nos rins e os motivos vão desde os problemas de má-formação congênita de órgãos até a presença de cálculos que obstruam o fluxo normal da urina.

Na doença aguda, os sinais aparecem subitamente e pode ser muito grave; e a insuficiência renal crônica ocorre quando os rins não são mais capazes de manter as suas funções reguladora, excretora e endócrina.

Neste artigo, conheça as causas, sintomas, diagnóstico e tratamento da insuficiência renal em cães.

As causas da doença renal

A ocorrência da insuficiência renal em cães pode ocorrer devido a problemas de má-formação congênita de órgãos, doenças do sistema urinário e até a presença de “pedras” (cálculos) que obstruam o fluxo da urina.

Dentre as causas da doença renal em cães estão as seguintes:

  • Infecções virais, fúngicas ou bacterianas;
  • Idade;
  • Parasitas;
  • Câncer;
  • Inflamações;
  • Doenças autoimunes;
  • Trauma;
  • Reações toxinas a venenos ou medicamentos;
  • Doenças congênitas e hereditárias.
A insuficiência renal em cães

Foto: Pixabay

Além dos cães idosos ou que sofram de problemas do coração, algumas raças parecem ter maior predisposição para o quadro, como os cães da raça Pastor Alemão, Beagle, Cocker Spaniel, Shi tzu, Lhasa apso e Rottweiler.

Sintomas da insuficiência renal em cães

O início da doença pode ser assintomático por um longo período e, quando aparecem os sintomas, eles são vários e podem apresentar-se bem inespecíficos e comuns a outras doenças.

Os sintomas do quadro incluem os seguintes:

  • Aumento na ingestão de água e na quantidade de urina;
  • Perda de apetite;
  • Vômitos frequentes;
  • Perda de peso;
  • Constipação ou diarreia frequente;
  • Cegueira repentina;
  • Moleza;
  • Mau hálito ou feridas na boca;
  • Depressão;
  • Convulsões e outras alterações neurológicas.

Diagnóstico e tratamento

Quando existe a suspeita de insuficiência renal no cãozinho, é essencial avaliar a sua função renal, por meio da realização de exames como de sangue para dosar uréia e creatinina, exames de urina e de imagem, como o ultrassom. Os exames ajudam a determinar se a doença renal está presente, determinar a causa e gravidade do quadro.

Nos casos de doença renal aguda, o cachorro geralmente apresenta sinais graves repentinamente, como depressão, vômitos, febre, perda de apetite e alterações na quantidade de urina. Para encontrar a causa, o veterinário realizará a história clínica e os testes. Descobrir a causa é fundamental para definir o procedimento a ser tomado e as chances de recuperação dependem do estágio da doença.

O objetivo do tratamento da insuficiência renal crônica é reduzir os sinais clínicos relacionados à diminuição da função renal. O veterinário também pode recomendar o uso de rações terapêuticas e tratamentos como a fluidoterapia e de nutrição. A homeopatia também é uma opção de tratamento.


Reportar erro