West Highland White Terrier

Curioso e um pouquinho teimoso, esse floco de neve é fofo e bastante energético


A raça oriunda da Escócia ficou conhecida como West Highland White Terrier e teve origem no cruzamento entre os cairn terriers. Acredita-se que sua origem se deu graças ao coronel escocês E.D. Malcolm que confundiu o seu querido cairn com um coelho e atirou sem querer nele. Com isso, ele começou a dar mais atenção aos nascidos brancos cairn e os juntou para cruzar entre si. Com isso, deram origem aos West Terriers, dando, inclusive, uma visualização melhor aos caçadores de seus companheiros de caçadas.

Quem não consegue identificar pelo menos um cão famoso desta raça? Vamos lhe dar dois: Ideiafix, o cão companheiro de Obelix na história de Asterix e Obelix, e Mick, mais conhecida por ter sido a “garota propaganda” da IG.

Características físicas

Os cães da raça West Highland White Terrier podem chegar aos 28 cm pesando até 10 km. Com pelagem branca, fina e brilhante exige alguns cuidados e é o elemento que dá charme à raça. Possuem alguns problemas de saúde comuns que podem ocorrer em exemplares da raça como alergias cutâneas – estas podem inclusive afetar os pulmões e alterar o tecido conjuntivo do animal –, White shaker dog syndrome, que tem como sintoma os tremores generalizados, e a necrose da cabeça do fêmur. Sua expectativa de vida, para um cão saudável, é de em torno de 13 anos de idade. O mais curioso é que, para ser dessa raça, legítimo e puro, o cão deve ser obrigatoriamente todo branco. Apenas seus olhos e focinhos são pretos.

Personalidade do cão

Normalmente cães dessa raça são adaptáveis, mas muito desobedientes. É preciso que sejam educados desde filhotes para que saibam quais são os seus limites e os respeitem. O cão é muito curioso e, portanto, para não sair por aí destruindo suas coisas para descontar sua curiosidade, ele requer muita atividade física. Por ser muito teimoso, caso não seja adestrado desde pequeno, os cãezinhos dessa raça podem acabar se tornando muito agressivos.

Dicas e cuidados

Os cães dessa raça soltam pouco pelo, mas sua pelagem pode ser tosada periodicamente, sendo que um corte mantêm-se bonito por uma média de 3 meses. Você deve escová-lo pelo menos uma vez por semana para que fique livre dos nós nos pelos. O banho a seco pode ser uma opção para quem quer manter o pelo do cão sempre limpo, pois estes não podem tomar banhos em excesso. O ideal é que tomem banhos mensalmente, pois com frequência podem aumentar a probabilidade de ocorrer algum problema de pele.

Galeria de fotos


Reportar erro