Staffordshire Bull Terrier

Este cão é bastante obediente e agradável, muito conhecido com cão de companhia


Originária do cruzamento entre buldogues e alguns terriers realizados no século XVIII na Inglaterra. O grande motivo para a criação da raça foram as rinhas, populares naquela época, além das caças aos ratos – esporte muito popular entre as pessoas da classe trabalhadora. Os criadores de ratos, no entanto, passaram a gostar também das rinhas, encontrando no Staffordshire Bull Terrier um cão bom de briga e caça. No entanto, para isso, eram necessárias características como força e resistência para o cão ser bem avaliado durante a luta. Seu nome mudou várias vezes e, finalmente, foi nomeado de Staff em homenagem ao condado em que foi criada a raça.

Os cães Staffordshire Bull Terrier chegaram às Américas, não para ser cão de rinha, mas sim como uma raça de guarda para fazendas e no pastoreio de rebanho. Eles têm muita afinidade com crianças, chegando a ser conhecidos como cão babá. As brigas passaram a ser proibidas na Inglaterra e vários lugares do mundo, mas os cães passaram a ser adorados por muitos, dando continuidade à raça. Alguns criadores clandestinos ainda o usam para brigas, mas isso, como citado acima, atualmente é proibido em muitos países.

Personalidade

Como citamos anteriormente, o cão é muito afetivo com crianças, além disso é inteligente e afetuoso com adultos também. É um cão muito obediente e agradável, além de ser muito reconhecido como um bom cão de companhia. As fêmeas são mais dóceis que os machos, mas estes também são adoráveis.

O físico do cão

O cão não deve ser criado em apartamentos, pois precisa de muito espaço e uma grande quantidade de exercícios físicos diários.  Com crânio largo, stop marcado e focinho curto, além de possuir um maxilar inferior muito potente.

Os olhos são arredondados e suas orelhas são semieretas ou em formato de “rosa”. Com dorso reto e quadris levemente erguidos, os membros anteriores são bem separados e o peito lago acentuando a sua força.

A cauda do animal tem comprimento médio que afina na ponta e não se enrola normalmente. Seus pelos são lisos e curtos, sendo mais fácil de cuidar. O cão é muito brincalhão, mas é tímido com outros cachorros. É ligeiramente fácil de treinar com o esforço ideal, além disso serve como cão de guarda e para a proteção de seus donos. É preciso, no entanto, tomar cuidado, pois o cão é pouco tolerante tanto com temperaturas muito elevadas como muito baixas.

Galeria de fotos


Reportar erro