Pointer

Ele é um excelente cão de guarda, e faz amizade facilmente com outros cachorros


Conheça um pouco mais sobre essa raça de cachorro que é considerada uma das melhores para caçar pássaros.

Características do Pointer

  • Origem: Inglaterra;
  • Tamanho médio: 63-71 cm o macho, 58-65 cm a fêmea;
  • Peso médio: 24-34 kg o macho, 20-29 kg a fêmea;
  • Família: Ponteiro (cão de caça)
  • Posição no ranking de inteligência: 43ª lugar;
  • Expectativa de vida: 12-15 anos.

É uma raça muito doce e gentil, mas às vezes pode tornar-se violento. Acontece que o Pointer é possuidor de muita energia, ele aguenta correr durante horas sem parar. Por esse motivo, é necessário que o dono esteja sempre realizando exercícios com ele, caso contrário, poderá se sentir frustrado e começar a apresentar comportamento destrutivo. É comum ele se distrair bastante durante o dia a dia, porém, quando está focado em um objetivo, como na caça, é quase impossível conseguir desviar sua atenção.

Ele é um excelente cão de guarda, e faz amizade facilmente com outros cachorros, outros animais de estimação e até mesmo com estranhos. Muito apegado ao dono, fácil de treinar, e apresenta uma boa tolerância tanto ao frio quanto ao calor.

Cuidados necessários com o Pointer

Essa raça precisa de no mínimo uma hora de exercício físico pesado todos os dias. Gosta bastante de correr – principalmente em florestas. Por isso ele não é um cão para viver dentro de casa, necessita de um bom espaço ao ar livre. Ele não se dá muito bem ao precisar ficar sozinho por muito tempo, por isso se não for possível ter sempre uma companhia humana por perto, seria interessante uma companhia canina. Quanto mais tempo ele passar com a família, mais feliz irá se sentir. Seus pelos são curtos e fáceis de higienizar, não necessita de escovação frequente, apenas ocasionalmente para remover os pelos mortos.

Saúde do Pointer

O principal problema de saúde que costumam acometer essa raça é o entrópico, e em menor escala costuma aparecer também o CHD. Ocasionalmente podem ser detectados catarata ou surdez. Por esse motivo, é muito importante estar sempre fazendo exames de checkup em seus olhos e quadris. Além disso, é sempre bom levar o bicho regularmente ao veterinário e fazer exames de rotina como exame de sangue. Um detalhe importante é que essa raça é bastante propensa a apresentar lesões na ponta do rabo, então fique atento a qualquer formato estranho que o rabo do animal aparentar.

Galeria de fotos


Reportar erro