Pastor belga

Conhece o Pastor Belga? Este cachorro possui vários tipos, conheça agora os tipos e algumas curiosidades


No século XIX, se alastrava pela Bélgica uma raça de cão pastor cujas estrutura e origens eram, até então, desconhecidas. Possuíam, inclusive algumas diferenças das demais raças de cães pastores conhecidas. Foi através de estudos de especialistas da Escola Veterinária de Curenghem que foram separadas as raças que realmente serviam para a prática do pastoreio.

Para que pudessem fazer essa separação, os animais foram observados e selecionados de acordo com o seu comportamento e qualidades necessárias. Nessa separação nascia, então, a raça pastor belga, que ficou denominada com quatro tipos diferentes: o groenendael, o tervueren, o malinois e o laekenois. Em 1910, eram lançadas as informações oficiais com os detalhes referentes ao tipo e característica do cão pastor belga que conhecemos até hoje.

Tipos de pastor belga

A raça de cães pastores belga é originária da Bélgica, e sua função original era de pastoreio de diversas espécies. É da família dos cães de gado e de pastoreio, mas era dividido em quatro variações locais de uma raça, sendo que a variação que ficou conhecida como pastor belga até os dias atuais é a variação groenendal.

A grande dificuldade em classificá-los está na falta de acordo entre os kennel clubs locais da Bélgica quanto às suas diferenças. Nos Estados Unidos, por exemplo, os cães laekenois não são reconhecidos, e os groenendales são os cães conhecidos como os pastores belga, enquanto malinois e tervueren são tidos como a mesma raça canina.

Pastor belga groenendal

Entre todos os quatro tipos de pastor belga, este é o mais conhecido. Tem uma postura estética que chama atenção, sua pelagem é naturalmente brilhante, densa e negra, além de relativamente longa. Devido a sua valentia e inteligência, esse tipo de cão é bastante utilizado pela polícia e, com isso, ganha bastante popularidade. Foram destaque durante a 1ª Guerra Mundial, quando brilharam como cães sentinelas e mensageiros.

Pastor belga tervueren

Sua pelagem possui uma coloração louro encarvoado, sendo diferenciado do groenendael e, além disso, também diferente do outro, possui uma estrutura mais potente e por isso é muito utilizado para uma boa procriação da raça, reforçando o sangue.

Pastor belga malinois

Esse tipo de cão vive na região noroeste da Bélgica, tem uma aparência considerada mais rústica, além de ter uma estrutura robusta e ser muito utilizado nas ações de pastoreio. Sua pelagem é mais curta no corpo que as dos demais tipos de pastores belga, sendo mais abundante na região do pescoço e rabo. Sua coloração pode variar, e tem como característica destaque um tipo de máscara escura ao redor dos olhos e focinho.

Pastor belga laekenois

Sua pelagem é longa e mais grossa que as dos demais em toda área do corpo, com uma coloração louro dourado. A pelagem por sua vez, apesar de ser longa, na região dos olhos não chega a cobri-los. Seu nome “laekenois” se deu devido a rainha Maria Henriqueta gostar mais dessa raça.

Características gerais

O pastor belga, em toda sua variedade, é um cão de porte médio, tem um histórico de ser um cão pastor, ou seja, de ajudar seus donos a pastorar seus rebanhos. Reconhecido pela sua efetiva atenção, é utilizado também como cão vigia, e ficou famoso nos Estados Unidos por ter sido utilizado na 1ª Guerra Mundial como cão sentinela e mensageiro.

É brincalhão com as pessoas próximas a ele, protetor e forte. Pode estranhar pessoas desconhecidas e até avançar caso pense que ela seja uma ameaça. O cão está sempre alerta e é muito inteligente, uma vez que todas as variações estão em posições avançadas na lista que elege os cães mais inteligentes do mundo, sendo relativamente fácil de treiná-lo (é preciso dedicação para treinar qualquer raça canina).

Para que deseja treiná-lo para cão de guarda ou para proteção, ou ainda aqueles que desejam mantê-lo como um cão bem adestrado, é importante ensinar comandos e limites desde filhote, pois assim será mais facilmente adaptado às regras que o regem.

Faz amizade com outros cães e outros animais facilmente, e tem bastante tolerância às temperaturas mais frias, porém, não muita em relação ao calor. É bastante apegado ao dono e um excelente guarda, além de ter um nível elevado de energia.

Cuidados

Para ter uma boa qualidade de vida, o pastor belga precisa viver em uma área grande onde possa se locomover com certa liberdade, e necessita de muita atividade física (apesar de não ter muita energia) seja com uma longa caminhada ou com brincadeiras que exijam muita agitação por parte do animal. Por ter uma pelagem considerada grande e grossa, é importante que seja escovado e penteado com frequência.

Pode apresentar alguns problemas de saúde, sendo que os mais frequentes são epilepsia, problemas de pele e, mais raramente, displasia coxofemoral. Sua expectativa de vida quando cuidados corretamente e com todas as vacinas e proteções, fica entre 10 e 12 anos de idade.

*Colaborou: Lia Vieira

 

Galeria de fotos


Reportar erro