Fotos de filhotes de pug

Se fosse possível descrever um pug em duas palavras, seriam: energia e companheirismo. Esta raça é muito hiperativa e adora descobrir coisas novas


Se fosse possível descrever um pug em duas palavras seriam: energia e companheirismo. Os animais desta raça são muito hiperativos, adoram correr, brincar e descobrir objetos e lugares novos. Se dão bem com todos os tipos de animais de estimação e com pessoas de todas as idades, de crianças a idosos. Ou seja, é um excelente cão para toda a família.

Características do pug

Os cachorros dessa raça são pequenos, medindo até 30 centímetros no máximo, e por isso são considerados cães de colo. No grupo da American Kennel Club (AKC) estão categorizados no grupo dos Toys. Apesar de possuírem algumas semelhanças com bulldogues franceses, a raça que mais se aproxima do pug é o pequinês.

São animais compactos, que possuem o rosto redondo, orelhas pequenas e ajustadas na cabeça e um nariz achatado. Além disso, os pugs possuem os olhos redondos, escuros e pulados para fora. Ainda na face deles é possível ver diversas rugas e uma dobra bem grande sob o nariz. Já a cauda deve ser enrolada e precisa ficar sob as costas do pet. 

Personalidade dessa raça

Os pugs são considerados um dos cães mais dóceis que existem. Como são bastante fieis ao dono, acompanham o tutor dentro de casa o tempo todo, mesmo sem serem chamados. Além disso, cachorros dessa raça são extremamente simpáticos e conseguem ganhar a confiança de todos ao seu redor. Com um pug do lado a diversão é certa, pois ele é um peludo animado e que, dificilmente, se cansa das brincadeiras.

Apesar da euforia que transborda desses animais, eles são silenciosos. Não costumam fazer barulho e latem bem pouco. Outra característica que impressiona os tutores é a limpeza desses animais.

Cuidados com o pug

Quatro fatores merecem bastante atenção dos tutores com relação a esses cães, são eles: a saúde dos olhos, a pelagem, as rugas e o peso. Como são animais que possuem os olhos esbugalhados, estão mais propensos a desenvolverem doenças oculares, sendo assim, é importante que o tutor mantenha essa região sempre limpa.

A pelagem e as rugas também merecem cautela. Isso porque, os pugs perdem muito pelo e, para evitar problemas, o tutor deve escovar a pelagem, pelo menos, três vezes ao dia. E com relação as rugas, deve-se ter cuidado para não deixá-las molhadas, evitando assim o desenvolvimento de fungos e infecções na pele.

Como são cães de pequena estatura, o risco de ficarem a cima do peso é maior. Por essa razão, os papais humanos precisam ficar de olho na alimentação equilibrada e nutritiva para não afetar a saúde do peludo.

pug-na-grama

Fotos: Reprodução/ internet

Fotos de filhotes de pug

pugs-no-sofa

pug-serio-em-grama-verde

pug-olhando-para-foto

grupo-de-pugs-juntinhos

pug-preto-encarando

quarteto-de-pugs-curiosos

pug-olhando-para-cima

pug-com-coleira-lilas


Reportar erro