Concursos de beleza caninos: como funcionam?

Esses eventos são promovidos pela Organização Canina Mundial (FCI) e têm como objetivo escolher o animal que mais se aproxima ao padrão de sua raça


Experimente perguntar para qualquer tutor do mundo qual é o cachorro mais bonito para ele e as respostas serão unânimes: “o meu, é claro!”. A verdade é que existem no mundo uma variedade de cães, são mais de 300 raças classificadas e uma infinidade de vira-latas únicos. Qual o mais bonito desses? “Não sou capaz de opinar”.

Brincadeiras à parte, da mesma forma que existem concursos de beleza para humanos, há também os especialistas que classificam a estética canina nas passarelas. Esses eventos são promovidos pela Organização Canina Mundial (FCI) e tem como objetivo escolher o animal que mais se aproxima ao padrão de sua raça.

Mas afinal, o que é a FCI?

A organização é responsável pela catalogação das raças de cachorros que existem no mundo, o que atualmente são 343. Ela está presente em 84 países e também faz o papel de determinar as características padrões de cada raça. Consequentemente, se encarrega de estabelecer as regras para os concursos de estética canina. Portanto, quem deseja ter o seu cão competindo nesses eventos tem que ter em mente que a raça deve estar inserida nas já catalogadas pela FCI.

Cadela sendo penteada

Foto: Depositphotos

Concurso: regras, material para participar e como funcionam as premiações?

Como já mencionado, o tutor que deseja colocar o seu cão para participar de uma competição deste nível tem que levar em conta se a raça deste já foi catalogada pela organização e essa já tenha classificado as característica desse animal.

Com a confirmação dessa informação é só preparar os documentos do cachorro, prepara-lo para o evento e ficar bem atento as regras que regem esses encontros. Primeiro ponto se refere ao objetivo de concurso como esse, isso porque as pessoas acreditam que o cachorro mais bonito e simpático vence, mas não é bem assim. Para ficar no pódio o competidor deve atender as características físicas do padrão de sua raça, portanto o primeiro lugar serve como exemplo.

A documentação exigida nesses eventos dependem muito do país sediando o concurso. No geral, além do pedigree confirmando a raça pura do animal, é necessário que o dono esteja portanto exames de sangue e o cartão de vacina atualizado no pet.

Vale ressaltar ainda que se faz imprescindível que o competidor seja comportado e obediente. Também deve ser sociável, para evitar problemas com outros animais que estão participando e assim ter mais chances de ganhar.

Com relação aos prêmios não são em dinheiro, mas sim em títulos que o vencedor recebe. Para os participantes e organizadores, o concurso serve para manter um padrão das raças chamadas de “puras”.


Reportar erro