RS: Campanha beneficente é feita para grupo de cães salvos de enchente

São necessários cerca de 70 quilos de ração por dia para alimentar todos os animais resgatados


Em julho do ano passado, a cidade de Alvorada, localizada no estado do Rio Grande do Sul, sofreu enchente devido fortes chuvas na região, as quais, inclusive, deixaram várias pessoas desabrigadas. À época do caso, o carregador José Damião dos Santos ficou famoso por salvar um total de 150 cães da inundação. Com a casa alagada, o carregador usava um ônibus velho que tem nos fundos de sua casa para abrigar e cuidar dos cães.

Com a grande repercussão do caso, José Damião recebeu vários quilos de ração, que acabaram no fim de dezembro. Agora, com o dinheiro cada vez mais escasso, ele precisa de ajuda e mais doações para cuidar dos cães. São necessários cerca de 70 quilos de ração por dia para alimentar todos os animais.

rs-homem-que-salvou-caes-de-enchente-precisa-de-doacoes-para-animais

Imagem: Reprodução/ Facebook

“Não quero ver meus bichinhos morrerem de fome na minha frente. Fazemos de tudo aqui. Estamos cozinhando arroz com osso e um pouco de ração para fazer render”, contou José Damião em entrevista ao Jornal Zero Hora.

Atualmente, os cães de grande porte ficam em um galpão improvisado feito em um terreno de propriedade da prefeitura municipal, o qual fica localizado em frente da casa de José. Os pequenos e os filhotes ficam no pátio da casa onde ele vive com sua esposa e seus três filhos.

No Facebook, uma página chegou a ser criada com o intuito de divulgar o caso e arrecadar doações.


Reportar erro