Justiça determina que prefeitura de Natal faça castração em cães e gatos

A prefeitura de Natal tem 30 dias para abrir a licitação para a aquisição dos equipamentos de castração


A juíza Francimar Dias Araújo da Silva, da 2ª Vara da Fazenda Pública de Natal – RN, determinou que a prefeitura da capital adquira material de castração animal.

O município tem um prazo de 30 dias para abrir uma licitação de aquisição de todos os equipamentos necessários para que sejam feitas castrações em cães e gatos.

Segundo o Ministério Publico, a superpopulação de cães e gatos de rua é um problema influenciado pelo crescimento populacional das cidades, a expansão dos espaços urbanos, ocupação desordenada de áreas de preservação e a compactação cada vez maior das moradias.

Justiça determina que prefeitura de Natal faça castração em cães e gatos

Foto: depositphotos

Na ação judicial, o Ministério Público Estadual informou o início de uma apuração de representação que foi formulada por uma ONG, abrindo um Inquérito Civil para averiguar as medidas adotadas pelo poder Público Municipal à respeito da Lei Municipal nº 326/2011, que se trata do controle populacional de cães e gatos.

 
Com informações de TJRN


Reportar erro