Em tempos de crise, saiba como economizar nas despesas com seu cão

Brasileiros gastam, por ano, R$ 16, 7 bi com bichos de estimação, segundo pesquisa


Existem métodos simples para economizar e ainda assim garantir uma vida maravilhosa para o seu peludo. Não é necessário gastar muito dinheiro com o pet, eles nem para a sua conta bancária ligam e, mesmo assim, te enchem de amor e alegria. De acordo com uma pesquisa feita pela Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abrinpet), os brasileiros estão gastando, por ano, R$ 16, 7 bilhões com seus companheiros de estimação. O número é enorme e em tempos de crise chega a ser assustador.

Quem deseja se organizar financeiramente, sem gastar muito e mesmo assim proporcionando uma vida saudável e feliz para o pet está lendo o texto certo. O Clube para Cachorros separou dicas de como cuidar do per sem se “afundar” em dívidas.

O que fazer para economizar com o pet?

Compre itens em grandes quantidades

Alguns petshops atuam concedendo boas ofertas para os clientes, justamente para ganhar a confiança desses. Procure no mercado canino o local que oferece as melhores ofertas e vire freguês, assim você garante importantes descontos. A dica é comprar tudo em grandes quantidades, além de durar mais tempo, o desconto pode ser maior e isso vai recompensar um gasto a mais naquele mês. Então, se você compra apenas cinco quilos de ração, busque comprar o dobro.

Invista em uma alimentação diversificada

Sabemos que a ração é o tipo de alimentação ideal para o pet, mas você pode completar as refeições com verduras e frutas que os cachorros podem comer. Por isso, troque os biscoitos industrializados por alimentos mais naturais e que são mais baratos. Antes de fazer essa mudança no cardápio do seu peludo, consulte um veterinário de confiança.

Em tempos de crise, saiba como economizar nas despesas com seu cão

Foto: Reprodução/ internet

Monitore a saúde do animal

Levar o cachorro no veterinário periodicamente para fazer um check-up é essencial para evitar gastos surpresas. Isso porque, tendo um controle das taxas do animal e sabendo como ele está de saúde, evita que você tenha que gastar muito quando o cão surgir com uma doença inesperada. Seja um tutor responsável e atento à saúde do seu melhor amigo.

Higienização do pet

Que tal investir em mais banhos em casa que no petshop? Cães de pelo curto não necessitam de banhos semanalmente. Neste caso, o período de 15 dias é suficiente. Invista na escovação da pelagem, essa técnica diminui a sujeira do corpo. Além disso, deixe a preguiça de lado e comece a escovar os dentes dos cães. Com essa prática você deixa seu peludo livre de doenças relacionadas aos dentes e ainda garante um sorrisão no seu amigo de quatro patas.

Separe uma mesada para o cachorrinho

Bom, está cada vez mais claro que as pessoas veem os cães como filhos. Então, porque não conceder uma mesada para o peludo? Em outras palavras, separe um valor no mês que você possa gastar com o seu pet dando mimos a eles. O ato de separar antes de gastar é essencial para você ter noção do quanto pode ou não usar em determinado mês. Assim, você paparica o cãozinho e ainda economiza.


Reportar erro