Conheça o cão que, diariamente, ‘salva’ menino diabético

Animal foi treinado para identificar os níveis de glicose do garoto


Luke Nuttall poderia ser só mais uma criança de 7 anos vivendo com seus pais na Califórnia, Estados Unidos. Dividindo seu tempo com brincadeiras, escola e diversão com seu cão, chamado de Jedi. E na verdade ele consegue fazer tudo isso mesmo, porém, com um contrapeso: a diabetes tipo 1. O garoto foi diagnosticado com a doença quando tinha apenas 2 anos e, desde então, sua mãe, Dorrie Nuttall, mantém no ar um site explicando como é a convivência com este problema de saúde.

Todavia, além do apoio que recebe dos pais, Luke ainda conta com um “super-cão”. O labrador Jedi é mais que um cachorro, ele faz parte da família. O animal foi treinado para identificar os níveis de glicose do garoto e alertar quando houver alguma mudança significativa, colocando a vida de seu tutor em risco.

Jedi salva Luke

Diabetes tipo 1 é inconstante, pois pode provocar glicose muito baixa ou muito alta. O preocupante é que a doença não apresenta nenhum sinal clínico aparente. Em uma das noites, quando todos da casa estavam dormindo o nível de açúcar no sangue de Luke caiu drasticamente. Felizmente, Jedi percebeu e imediatamente correu para o quarto de Dorrie.

Quando os níveis estão altos, o labrador levanta a pata. Já quando as taxas estão baixas, o sinal de alerta é se abaixar como se estivesse chamando para brincar. De acordo com cientistas, o olfato dos cachorros pode ser 10 mil vezes mais poderoso que o dos humanos. Por essa razão, Jedi tem um percentual de 98% de acerto.

“Não havia nenhum alarme, ninguém estava checando o sangue dele, ninguém estava pensando na diabete. Em momentos como esse, quando estamos com a guarda baixa, quando estamos vivendo, quando deixamos nossa mente longe da preocupação da diabete, tomamos um golpe duro, ficamos assustados rapidamente. Mas ainda bem que temos o Jedi”, lembra a mãe do garoto no relato postado em uma página no Facebook.

Conheça o cão que, diariamente, 'salva' menino diabético

Fotos: Reprodução/ Facebook

Ao postar esta foto, Dorrie declarou como o Jedi é importante para o Luke e para a família. “Isto pode parecer apenas um cão, um menino dormindo e um número na tela, mas este momento aqui é muito mais. Esta é a foto de Jedi salvando o seu garoto”.

Relação entre Jedi e Luke

De acordo com a Dorrie, a ligação entre Jedi e Luke vai além da preocupação do cachorro com a saúde do pequeno tutor. “O trabalho de Jedi vai além de alertar, ele também salva o Luke de estar sozinho, de ter medo, ele é seu companheiro constante”, conta. Ainda segundo ela, o amor do cachorro ajuda a família a superar as agulhas que fazem parte do tratamento.

Conheça o cão que, diariamente, 'salva' menino diabético


Reportar erro