Com cadela com câncer terminal ganha viagem inesquecível com tutor

Bella, de apenas 9 anos de idade, foi diagnosticada em maio de 2015 com osteossarcoma


A cadela da raça labrador, Bella, de apenas 9 anos de idade, foi diagnosticada em maio de 2015 com osteossarcoma, o tipo mais comum de câncer ósseo, em uma de suas patas dianteiras. Mesmo após amputar o membro foi dado a cadelinha entre três e seis meses de vida, pois o câncer já havia chegado até seus pulmões. Foi aí que seu tutor, o médico veterinário da marinha, Robert Kugler, decidiu presentear a sua melhor amiga com uma aventura inesquecível!

Robert, que adotou Bella quando era apenas um filhote, passou a viajar com ela por todo os Estados Unidos, um aproveitando a companhia do outro. E agora já fazem 14 meses depois do diagnóstico e a labrador ainda está firme e forte! A jornada da dupla pode ser acompanhada pelo Instagram ou no site de Robert.

Confira algumas das fotos das aventuras de Bella com o seu tutor:

People be spending their most precious moment together as they join in holy matrimony…and Bella be rolling in the sand like AAHHH. #labrador #weddings #labrador #gobellago #lovethisdog #likewhat

A photo posted by Robert Kugler (@robkugler) on

Great…now she'll never go car camping again. #glamorous #diva #queen #tripawd #keys #lovethisdog #bella

A photo posted by Robert Kugler (@robkugler) on

Good night, @instagram #Bella #tripawd #kansas #sunset #lovethisdog #labrador @dogsofinstagram

A photo posted by Robert Kugler (@robkugler) on


Com informações de Mashable


Reportar erro