Austrália proíbe comércio de cosméticos testados em animais

A lei irá entrar em vigor em julho de 2017 e não afetará empresas que utilizam animais para testar medicamentos


Uma lei que irá proibir a venda de produtos que tenham usado animais para testes entrará em vigor na Austrália a partir de julho de 2017. Entre as proibições estão maquiagens, shampoos, cremes dentais e outros produtos de higiene e beleza. Essa medida irá afetar grandes marcas como L’Oréal, Estée Lauder e Revlon.

Os produtos que já estiverem nos supermercados ou outros estabelecimentos de venda não serão retirados, porém, haverá uma rigorosa fiscalização sobre os novos produtos afim de cumprir a lei.

Austrália proíbe o comércio de produtos cosméticos testados em animais

Foto: Depositphotos

“Nós não precisamos mais testar cosméticos em animais. Diversos países, incluindo a União Europeia, já proibiram o uso de ingredientes cosméticos testados em animais”, contou Ken Wyatt, Ministro Assistente da Saúde da Austrália ao Daily Mail.

Com informações de Daily Mail


Reportar erro