Após sobreviver a tiro, cão cumprimenta a todos dando a pata

Além de já estar recuperado do incidente, agora o cão demonstra ainda mais coragem e afeto ao mesmo tempo


Marty é um jovem cão de rua de apenas dois anos que passou por uma situação delicada, a qual quase custou a sua vida. Ao tentar se aproximar de uma policial, o mesmo foi atingido por um tiro. A militar, que talvez tenha pensado que ele era agressivo, atirou na cabeça do cão.

Devido o ocorrido, a equipe do abrigo Hempstead Town Animal Shelter rapidamente foi até o local e socorreu o cãozinho, que precisou passar dois dias na clínica veterinária. A bala ficou alojada embaixo da língua de Marty e, por conta disso, ele teve sua mandíbula quebrada.

cao-baleado-na-cabeça-por-policial-sem-motivo-aparente

Fotos: Reprodução/ Facebook/ Help Marty Find His Match

Após tudo o que o cão passou, não seria de se impressionar se o ele evitasse humanos e se tornasse um animal medroso ou agressivo na presença de uma pessoa. Porém, Marty se mostrou o completo oposto disso. Segundo uma página no Facebook criada para o cãozinho, ele é um animal extremamente amável, calmo e carinhoso.

Além de já estar completamente recuperado do incidente, o qual se deu em fevereiro deste ano, o cãozinho agora mostra vários truques e sempre que vê algum humano faz questão de dar a pata, como forma de cumprimento.

marty-cao-baleado-na-cabeça-dando-a-pata

Marty agora está esperando que alguém o adote, visto que, a vida em um abrigo pode ser muito estressante para qualquer animal.


Reportar erro