Após ser atropelado e ficar sem andar, cão sobrevive e tem ‘segunda chance’

Animal ganhou cadeira de rodas para ajudá-lo na recuperação


Após ter sido atropelado por uma motocicleta e perder o movimento das patas traseiras, o cão Leo, infelizmente, foi negligenciado por seus antigos tutores, que se recusaram a ajudá-lo.

Felizmente, ele foi encontrado por uma turista que se compadeceu da sua situação, e decidiu fazer algo por ele. A modelo canadense Meagan Penman estava viajando pela Tailândia, e, durante estadia em uma praia em Hua Hin, encontrou o cãozinho se arrastando pela areia.

Por ter que arrastar as pernas para se movimentar, o cãozinho estava desenvolvendo várias feridas, além de estar coberto por vários parasitas.

“Várias pessoas me disseram que seria melhor sacrificá-lo, mas você não pode colocar um valor em uma vida”, contou Meagan.

Após fazer uma campanha online para arrecadar dinheiro, Meagan finalmente conseguiu não só dar todos os cuidados médicos que Leo precisava, como o levar para o Canadá, para que pudesse conseguir uma nova casa. Com a repercussão do caso, uma empresa americana chamada K-9 Carts, especializada em ‘cadeiras de roda’ para cães, fez a doação de uma para que o cãozinho pudesse voltar a andar.

Atualmente, Leo vive com sua nova tutora Jamie Marilyn Smith, que sempre posta fotos dele em seu Facebook para mostrar sua recuperação.

leo-e-sua-turora

Foto: Reprodução/ Facebook/ Help Save Leo

Com informações do The Sarnia Jornal


Reportar erro