Incrível história de cão cego que virou terapeuta

Com mais de 11 anos, Smiley inspira muitas pessoas com sua superação, seu desejo de viver e seu sorriso cativante


Ter um mundo e não vê-lo, mas aprender a senti-lo. Essa frase resume bem a história de Smiley, o cão da raça golden retriever que nasceu sem os dois olhos e, por causa disso, teve uma vida diferente. Hoje, com mais de 11 anos, Smiley inspira muitas pessoas com sua superação, seu desejo de viver e seu sorriso cativante. Conheça agora um pouco mais sobre esse peludo, que mesmo as adversidades, consegue transformar a vida de muitas pessoas.

A história de Smiley

O “pacotinho de amor” pequeno e amarelinho acabara de nascer por volta do ano de 2003, no Canadá. Ao ser constatado a ausência dos seus dois olhos, a maldade humana se encarregou de levá-lo para um abrigo e lá ele foi abandonado. Os dois primeiros anos de Smiley não foram fáceis, pois o convívio com outros animais era complicado e ele não conseguia ser adotado devido o desprezo dos humanos por conta da deficiência do animal.

Incrível história de cão cego que virou terapeuta

Fotos: Reprodução/ internet

Até que um dia, Joanne George conheceu o sorriso de Smiley e então foi “amor à primeira vista”. A canadense que é treinadora e passeadora de cachorros não pensou duas vezes e o adotou. Em casa, ele conheceu o Tyler, um outro cão que era deficiente auditivo, e então os dois formaram uma grande parceria. Atualmente, além de Smiley, Joanna é mãe de mais dois peludos, Pippi e Pearl.

George conta que, no início, Smiley era muito assustado e não obedecia a seus comandos, mas, que ela pode perceber que as pessoas, ao se aproximarem dele, ficavam encantadas com sua história de superação. “As pessoas ficavam tão inspiradas perto dele que eu soube que ele seria um cão terapeuta e que eu devia compartilhá-lo com as outras pessoas”, afirmou Joanne George.

Treinamento e formação para terapeuta

Incrível história de cão cego que virou terapeuta

Observando o dom de Smiley, sua tutora começou um treinamento com ele. A ideia era fazer com que o cãozinho pudesse encantar as pessoas que precisam de ajuda. No começo, Smiley era muito medroso e ansioso, mas com o tempo foi se tornando confiante e conseguiu atender aos comandos de sua dona. Passado diversos treinamentos, o golden começou a fazer visitas em hospitais e asilos, e foi desta forma que ele conseguiu ajudar muitas pessoas.

A força de Smiley é inspiradora e contagiante. O cão que sorrir, mesmo após os problemas já vivenciados, espalha amor, coragem e esperança para crianças, pacientes e idosos por todo lugar onde passa. Sendo quem é e enfrentando as adversidades, o peludo mostra para todos que o cercam que é possível ser feliz só com o toque.

Incrível história de cão cego que virou terapeuta


Reportar erro