Dispositivos criados por japoneses revelam como o cão está se sentindo

Companhia japonesa Anicall desenvolveu um aplicativo capaz de traduzir sensações dos animais


Os cachorros são animais extremamente sensíveis e expressivos. Eles são capazes de sentir felicidade, tristeza, medo, angústia e até mesmo ciúmes. Mesmo que o tutor tenha uma ligação muito forte e especial com o animal, nem sempre é possível compreender ao certo o que o bichinho está pensando. Saber reconhecer quais são suas necessidades não é uma tarefa fácil e, para ajudar a combater esse problema, a companhia japonesa Anicall desenvolveu um dispositivo que traduz o que o seu pet está sentindo, podendo ser usado tanto em cães como em gatos.

Funcionamento em cães

Um sensor que fica na coleira do animal é capaz de identificar cerca de 40 tipos de movimentos que decifram quais as necessidade e sentimentos deles, desde vontade de brincar, frio, medo até sinais de doenças ou velhice. As informações são traduzidas e transmitidas através de um aplicativo de celular que, em breve, estará disponível para download.

Dispositivos criados por japoneses revelam como o cão está se sentindo

Foto: Reprodução/ News National

Atualmente o dispositivo não funciona a distância e o dono só consegue saber o que o animal está sentindo se a coleira e o aplicativo estiverem próximos um do outro. Mas os fabricantes já estão tentando mudar esse quadro para que o tutor possa monitorar o bichinho mesmo quando estiver longe dele.

Disponibilidade do aplicativo

O aplicativo ainda não está disponível para download, mas essa ideia já está sendo exibida nas feiras mais importantes de tecnologia de Tóquio, onde mais de 200 empresas de tecnologia, tanto no Japão quando dos Estados Unidos, Coreia do Sul e outros países estão reunidos para apresentarem suas mais recentes pesquisas e ideias inovadoras.

Como ainda não é possível obter o aplicativo e a coleira que ajudarão o tutor do animal a decifrar o que os bichinhos estão sentindo, o único jeito é continuar tentando se comunicar com o seu bichinho da maneira velha e tradicional, por meio da observação do comportamento do pet.


Reportar erro