Conheça os considerados ‘cachorros mais feios do mundo’

Entre esses pets, está o vencedor do concurso anual que elege ‘o cão mais feio do mundo’


Para quem é fã de cachorros, que acham eles as coisas mais lindas e fofas do universo, esse post veio para quebrar tais paradigmas. Lá nos Estados Unidos, na Califórnia, existe um concurso anual que elege “o cão mais feio do mundo”. A disputa já existe há 27 anos, e os donos do vencedor faturam US$1,5 mil, cerca de R$4,7 mil. Existe até uma pré-seleção para os organizadores certificarem se os bichinhos são mesmo cachorros.

Esse ano, o vencedor foi o Quasi Modo, de 10 anos, que é uma mistura das raças pit bull com pastor-holandês. Assim que nasceu, ele foi abandonado em um abrigo para animais, por conta de sua aparência, mas depois foi adotado por um veterinário da Flórida. O Quasi venceu outros 24 participantes. O cãozinho possui um problema na coluna, que o deixou meio corcundo, e sua fisionomia não tão comum provoca muito assombro nas pessoas toda vez que seu dono o leva para passear. Os proprietários dele contam que já chegaram a confundir esse cãozinho com um diabo-da-tasmânia ou mesmo com uma hiena.

Conheça os considerados 'cachorros mais feios do mundo'

Fotos: Reprodução/ internet

A seguir, veremos outros cachorrinhos que já passaram por esse concurso e que também podem ser considerados os “cachorros mais feios do mundo”.

Rascal

É sério, olha essa carinha, ele parece o Einstein! Mas engana-se quem pensa que ele não tem tradição nos concursos. Sua mãe e seus avós já ganharam muitos prêmios nesse tipo de evento. O avô do Rascal, Chi-Chi, tem seu nome gravado no Guinness Book com o honorável título de cachorro mais feio de todos os tempos.

Cão Rascal

Munchikin

Não só a aparência é estranha, mas o nome parece meio esquisitinho, não é? Porém, esse nome é o mesmo de uma das raças mais fofas de gatos que existem. A cadelinha da imagem a seguir é famosa, já apareceu em diversos programas de televisão e produz um som muito peculiar enquanto caminha, que parece o barulho de um ogro mesmo.

Cão Munchikin

Criatura

Criatura é esse ser fofinho que participa do Concurso anual da Califórnia. Esses dentes e orelhas dão ótimas dicas do porque da escolha do nome. Com toda a certeza faria sucesso nos livros de Mary Shelley, criadora do Frankenstein.

Cão-Criatura

Elwood

Elwood é o resultado do cruzamento entre as raças chinese crested e chihuahua. O seu antigo criador ia matá-lo, por achar ele feio demais para ser vendido. Então, o atual dono dele o salvou e o inscreveu com apenas dois anos num concurso. Ele venceu em 2007.

Cão-Elwood

Princesa Abby

O toque de realeza fica por conta da princesa da imagem abaixo. Ela, que já venceu o concurso da Califórnia em 2010, vagava pelas ruas antes de ser encontrada pelo seu atual dono. Mesmo sendo uma chihuahua, Abby nasceu com sérios problemas osteomusculares nas pernas e na coluna, e por isso tinha sido abandonada.

Princesa Abby

Zoomer

O cachorrinho da foto a seguir possui um ar meio sobrenatural, não é? A junção do olhar profundo com pelos brancos e ainda o nome Zoomer lembra aqueles filmes antigos de fantasmas. É o típico exemplo vivo daquela frase “ele é tão feio que chega a ser bonito”.

Cão-Zoomer


Reportar erro