Como os cachorros escolhem os cães que gostam ou odeiam?

Conheça algumas prováveis razões que podem influenciar na relação entre dois cachorros


Você já deve ter percebido que o seu cachorro se dá bem com alguns cães, mas com outros não. Alguns cachorros se estranham e temos que ficar atentos para que não comecem uma briga.

Mas o que será que determina isto? Como os cachorros escolhem os cães que eles gostam ou não? Existe alguma razão para que alguns cães se relacionem bem com alguns e com outros não? Sim, existem algumas prováveis razões que podem influenciar na relação entre dois cachorros. No entanto, não existe uma resposta única, a amizade ou inimizade entre cachorros depende de cada caso.

Motivos para amizade ou inimizade entre cães

Raça

De acordo com cientistas e especialistas em comportamento animal, os cachorros reconhecem a sua raça e naturalmente se aproximam. O contrário também pode ocorrer: alguns cães também podem julgar e se afastar de acordo com determinada raça.

Isto não quer dizer que exista racismo entre cachorros, porém um exemplar de uma raça pode não se dar bem com um cão de outra, principalmente se houver um trauma relacionado com alguma ocasião específica. Por exemplo, um Beagle que foi atacado por um cachorro de outra raça, pode guardar o trauma e “encrencar” com qualquer outro cãozinho dessa mesma raça.

Como os cachorros escolhem os cães que gostam ou odeiam?

Foto: Reprodução

Sentido

Alguns estudos sobre o comportamento canino apontam que, às vezes, os cães utilizam os seus sentidos para decidir se vão ou não gostar de outro cão. Um cachorro “rival” pode ter um odor peculiar, postura arrogante ou ser muito submisso. Assim como os seres humanos, os cachorros podem aceitar facilmente o outro ou podem ter uma postura de julgadores.

Gênero

Os cães do mesmo gênero tendem a brigar (macho com macho ou fêmea com fêmea) e preferem a companhia de cachorros do sexo oposto. Às vezes isto é uma questão de domínio, para manter o territorialismo, porém a maioria dos animais tenta evitar o confronto.

No entanto, se um cachorro estiver interessado em uma cadela, ele se esforçará para chamar a atenção e afastar possíveis rivais.

Apenas desinteresse

Nós sabemos que não nos relacionamos com todas as pessoas, por um motivo plausível ou simplesmente porque o “santo não bate”. O mesmo acontece com os cachorros: pode ser que não tenha nenhum motivo específico para que dois animais não se deem bem, apenas desinteresse de uma relação.

Não há como determinar ao certo o motivo pelo qual alguns cães se dão bem, enquanto outros não podem nem dividir o mesmo ambiente.

O dono do cão pode observar a situação para tentar entender e, se a falta de entrosamento for um problema recorrente, buscar ajuda de um profissional.


Reportar erro