Cães: saiba quais são as raças mais populares do Brasil

De pug a rottweiler: conheça as espécies de cães que o brasileiros mais adoram


Com mais de 400 raças no mundo, é inevitável algumas acabarem se tornando as mais “queridinhas” no Brasil. Seja pelo porte ou temperamento do cão, os brasileiros têm suas preferências e, essas escolhas, acabam refletindo quando vamos dar uma volta, por exemplo, em algum parque ambiental. De acordo com um levantamento feito pelo portal R7, parceiro do Clube para Cachorros, 10 raças se tornaram as favoritas entre os lares do país. A relação é bastante diversificada, tendo cães de todos os tamanhos e de comportamentos diversos. Será que a raça do seu cachorro está na lista? Confira!

1. Shih Tzu

Cães: saiba quais são as raças mais populares do Brasil

Fotos: Pixabay

O campeão dos lares brasileiros é o shih tzu. Quem tem garante que esses peludinhos são comportados e se adaptam muito bem em lugares de pouco espaço como apartamentos. Mesmo sendo um cão de pequeno porte que demonstre fragilidade, o cachorro dessa raça é bem independente e se comporta muito bem quando se encontra só em casa. Gosta de proteger o dono e como todo cão, adora um carinho.

2. Yorkshire

cao-yorkshire

Também de porte pequeno, a segunda raça mais querida do Brasil é a yorkshire. Com uma pelagem longa, necessita de muitos cuidados para não deixar que os pelos enrolem e criem nós. Simpáticos e alegres, os yorkies também são independentes e podem passar longos períodos sozinhos em casa, pois são tranquilos.

3. Maltês

cao-maltes

Com pelos de fazer inveja a qualquer um, o maltês necessita de muitos cuidados para manter o pelo saudável e bonito. Quando tosado, essa atenção diminui. Fofo, carinhoso e inteligente, o maltês se adapta muito fácil ao tipo de vida de seu tutor. Todavia, é um cachorro que tem uma necessidade de exercícios, por isso, o tutor deve passear todos os dias com esse peludo.

4. Pug

cao-pug

Animados e muito apegados ao dono, os pugs adoram se divertir e só param para as necessidades básicas, que são: beber água, comer e dormir. Quem tem pug sabe que em qualquer lugar que o tutor for, o peludo vai atrás, mesmo sem ser convidado. Entre os principais cuidados que o dono deve ter, figuram as dobrinhas do focinho do pet, que precisam ser enxugadas corretamente para evitar fungos e doenças de pele.

5. Golden retriever

cao-golden-retriever

No meio de tantos cachorros de porte pequeno, eis que surge o golden como um cão de porte médio amado pelos brasileiros. Simpático e muito prestativo, o cão dessa raça busca sempre interagir com seus donos. Precisa estar em constante prática de exercícios, pois tem tendência a engordar e ficar obeso, o que traz muitos malefícios à saúde do cachorro.

6. Buldogue francês

cao-buldogue-frances

Outro cão pequeno e muito querido entre a população brasileira é o buldogue francês e, por isso mesmo que ele aparece em sexto lugar na lista. Não é do tipo independente, pois sofre muito com a ausência do tutor, assim não é ideal para quem passa muito tempo fora de casa. Além disso, é bom evitar deixar o peludo longe do calor, com um focinho curto ele pode ter dificuldade em respirara em ambientes quentes.

7. Spitz/ lulu da Pomerânia

cao-spitz-lulu-da-pomerania

Pequeno, fofo e muito afetuoso. Esse é o spitz alemão ou, como é mais conhecido, lulu da Pomerânia. Como é de porte pequeno, não necessita de muitos espaços, assim um apartamento se torna ambiente ideal para sua criação. Não deve ser deixado sozinho por muito tempo, pois como são afetuosos sentem muita falta de seu dono. Em situações de risco, o lulu esquece o porte e encara as dificuldades com muita coragem.

8. Rottweiler

cao-rotweiler

Outro grande melhor amigo de quatro patas que garantiu lugar nessa lista, foi o rottweiler. Apesar da cara de durão, esse cão é um amor com seu dono. Com um instinto protetor sempre ativado, é um ótimo cão para manter a segurança da casa. É forte, obediente e muito energético, sendo assim, precisa de um espaço grande para gastar toda a energia.

9. Buldogue inglês

cao-buldogue-ingles

Com essa carinha de fofo, o buldogue inglês conquista todo mundo. É um cão que não gosta de exercícios pesados, pois sente bastante dificuldade ao respirar por ter um focinho curto. Em contrapartida, precisa ser incentivado a praticar atividades físicas pelo menos uma vez ao dia, assim evita a obesidade.

10. Lhasa apso

cao-lhasa-apso

Independente, o lhasa apso pode passar muito tempo sozinho em casa que não vai sofrer com a ausência do tutor. Ideal para quem mora em casa pequenas ou em apartamento, esse cão também é muito inteligente e adora um cafuné. As atenções do tutor devem estar voltadas a pelagem do cachorro, que por ser longa necessita de cuidados extras.


Reportar erro