Dicas e orientações para deixar o cão sozinho em casa

Deixar o cachorro sozinho por muito tempo pode ser um transtorno para a saúde do animal. Veja dicas para deixar o cão sozinho em casa


Os cachorros são animais de companhia e precisam da atenção dos donos e, por este motivo, podem apresentar problemas quando ficam sozinhos por longos períodos, podendo apresentar quadros como a ansiedade da separação, solidão, medo e tédio.

Antes de ter um cachorro em casa, é preciso ter a noção de que o animal não pode ficar muito tempo sozinho. Mas, e se uma situação de separação ocorre repentinamente? Se, de um dia para o outro, os donos precisam trabalhar fora o dia inteiro e não têm com quem deixar o seu fiel companheiro, o que fazer para não deixar o animal sofrendo com a situação?

Dicas para deixar o cão sozinho em casa

Deixar o cachorro sozinho por muito tempo pode ser um transtorno para a saúde do animal e ele pode agir de maneira que consideramos problemática, como chorando, uivando, latindo sem parar, roendo móveis, comendo plantas, fazendo as necessidades fora do lugar adequado, entre outros comportamentos.

Dicas e orientações para deixar o cão sozinho em casa

Foto: Pixabay

A maioria dos cachorros fica estressada ao passar mais de 4 a 6 horas sozinhos e, por este motivo, é necessário desenvolver uma estratégia para que os pets se distraiam durante a falta de companhia.

Se você trabalha fora e o seu cãozinho precisa se adaptar a essa rotina, confira as dicas a seguir:

Não diga “tchau” e nem fale fininho

Quando nos despedimos, o nosso comportamento pode reforçar a ansiedade dos cães. O momento de separação e o reencontro devem ser vistos como hábitos normais e corriqueiros.

Por isso, quando for sair, simplesmente vire as costas e saia, sem dizer “tchau”, dar beijos ou falar fininho. A situação deve parecer normal para que o seu animal de estimação se acostume a ela o mais rápido possível.

Passeie com o cãozinho antes de sair

Uma boa caminhada deixará o seu cachorro relaxado e feliz. Durante o passeio, o seu pet poderá extravasar energias e, assim, ficará mais calmo durante a sua ausência, podendo até mesmo tirar um cochilo.

Deixe brinquedinhos para o pet

Caso o seu cachorro seja muito grudado em você, tente distraí-lo com brinquedos inteligentes, a exemplo de um quebra-cabeça. Lembre-se de deixar brinquedos para ele mastigar, bolinhas e alguns petiscos escondidos. É importante que o seu animal de estimação tenha opções para se distrair enquanto você estiver fora de casa.

Os brinquedos devem ser escolhidos com cuidado, prestando atenção naqueles que possam soltar partes ou feitos de pelúcia.

Ligue a televisão para o cãozinho

O som poderá deixar o seu animal de estimação mais relaxado quando você não estiver em casa, diminuindo a ansiedade de estar sozinho. Deixe a televisão em um programa mais calmo, com natureza e música clássica, por exemplo.

Deixe um objeto seu com o cachorro

Se puder, deixe uma camiseta sua com o cãozinho, pois o seu cheiro fará com que ele não se sinta tão sozinho.

Não fazer ‘festinha’ na volta

Além de não despedir ao sair, recomenda-se não fazer “festa” ao regressar para casa. Caso abra a porta já fazendo carinho no cão, ele poderá ficar te esperando todos os dias com muita ansiedade.

Ao chegar em casa, troque de roupa, faça outras coisas e só depois dê atenção e carinho ao seu amigo canino.


Reportar erro