Descubra super dicas para apresentar bebê recém-nascido aos cães

As mudanças decorrentes da chegada de um bebê em casa pode ser bastante difícil para o cão. Conheça dicas para apresentar o recém-nascido ao cãozinho


Muitas vezes, os animais de estimação acabam se tornando o filho do casal, mas e quando chega o bebê de verdade? Alguns casais encontram dificuldade para a adaptação entre os dois seres. Quando uma mulher engravida, geralmente, o outro filho sente ciúmes, não é? O mesmo pode ocorrer com o cachorro, principalmente naqueles lares em que ele é tratado como criança.

Super dicas para apresentar bebê recém-nascido aos cães

Primeiramente, saiba que, por meio do olfato, o cachorro já sabe que está acontecendo alguma coisa com a mulher durante a gravidez, mas ele deve ser preparado durante toda a gestação para a chegada do novo integrante da família.

A chegada de um bebê muda toda a rotina da casa e, no início, pode ser bastante difícil para o cão compreender todas as mudanças. Assim sendo, é preciso condicionar o animal de maneira correta.

Descubra super dicas para apresentar bebê recém-nascido aos cães

Foto: Reprodução/ internet

Para que o cão se sinta mais preparado com a chegada do bebê, atente-se:

  • É necessário preparar o cão com antecedência, assim que a mulher souber da gravidez. Uma das dicas é simular o ritual de ninar uma criança usando uma boneca, além de colocar um carrinho de bebê na sala e espalhar cheiro de lavandas e talcos no ar. No entanto, também é preciso dar limites: para que o animal de estimação respeite o quarto ou o berço do bebê, não deixe que ele passe muito tempo no quarto e não permita que ele tente subir no berço;
  • Se o cãozinho quiser cheirar a barriga, não há problemas, porém, não é permitido pular nem tocar a barriga com as patas. Para controlar a ansiedade do cão, é importante enriquecer a rotina dele com passeios, atividades lúdicas, socialização e treinamento de obediência. Evite mudar a rotina do animal. Ensine que ele só pode subir no colo quando tiver permissão: caso ele suba em hora inapropriada, coloque-o no chão com voz firme.
  • No dia do nascimento e ainda na maternidade, antes de levar o bebê para casa, prepare um paninho ou uma fralda com o cheirinho da criança e coloque onde o animalzinho costuma fazer coisas prazerosas: debaixo da vasilha de ração, junto aos brinquedos, na caminha etc. Os cães possuem o olfato extremamente apurado e isto fará com que ele conheça o cheirinho do novo integrante da família, relacionando o cheiro com coisas boas como dormir, comer e brincar.
  • Quando chegar a casa, o ideal é agir com naturalidade e evitar contato direto do focinho do cachorro com o bebê. A aproximação deve ser gradual, de acordo com a tranquilidade do cãozinho. O cachorro também não deve entrar no quarto do bebê, principalmente nos primeiros dias, pois os recém-nascidos são muito vulneráveis. Com o passar dos dias e o aumento da segurança, a aproximação pode ser maior.


Reportar erro