Descubra como manter a higiene do comedouro e bebedouro do cão

Sempre depois de cada refeição e, no caso do bebedouro sempre que fizer a troca da água, lave diariamente os recipientes da comida e água do pet


Assim como nos utensílios para alimentação humana, os dos animais também necessitam de atenção quanto à higiene, fazendo-se necessário uma limpeza periódica e segura.

A presença do biofilme

Talvez você já tenha passado o dedo na parte interna do comedouro ou bebedouro do cão e notado uma espécie de gosma, algo como um limo bastante liso. Se sim, saiba que a esse resíduo atribui-se o nome de biofilme.

Compreende-se como biofilme o conjunto de matérias orgânicas e inorgânicas tantos com ou sem vida que acumulam nos utensílios de armazenamento da alimentação do pet.

Representa o biofilme nada mais que uma espécie de substância pegajosa, uma espécie de cola que sustenta nas paredes das tigelas dos cães as bactérias nocivas ou não à saúde do animal.

Imagem de mão humana segurando comedouro de cão em frente de cachorro

Foto: Depositphotos

A preocupação do tutor, logicamente, deve corresponder às bactérias nocivas ao organismo do cachorro, uma vez que, quando presentes na água do animal, acabam se proliferando rapidamente e em alta quantidade, causando risco de infecção na urina, bexiga e ouvidos do pet.

Limpeza ideal dos comedouros e bebedouros do cão

Inúmeros tutores acabam não se preocupando com uma limpeza frequente dos utensílios para alimentação do cão. Com isso, acabam repondo água e alimentação no bebedouro e comedouro, respectivamente, sem efetuar a limpeza correta dos mesmos.

Portanto, para evitar o biofilme, fique atento e faça sempre a limpeza dos utensílios para alimentação do seu pet. Sempre depois de cada refeição e, no caso do bebedouro sempre que fizer a troca da água, lave diariamente com sabão neutro e água potável os recipientes da comida e água do pet.


Reportar erro