Quer ter um cão? Aprenda dicas para convencer as pessoas de sua casa

Ter um cão diminui a possibilidade de viagens e é um gasto a mais no orçamento da casa; todavia, os cães trazem alegria e carinho para os tutores


A decisão de ter um cão em casa não é tão simples como parece. Um animal precisa e merece receber todo o carinho, amor e atenção que eles dão a seus donos. Ter um amigo de quatro patas é ter a certeza de que reciprocidade em todos os sentimentos bons, por isso se faz necessário saber se você terá tempo, disponibilidade e até mesmo dinheiro para manter um cãozinho.

Esses fatores levam muitos pais a negarem o pedido dos filhos no que se refere à criação de um animal. Alegam que crianças e adolescentes não possuem responsabilidade o suficiente para cuidarem de uma vida. Sendo assim, quem deseja ter de verdade um cãozinho precisa convencer os adultos de que pode dar conta das necessidades do animal e mostrar os benefícios de ter um cão em casa. Saiba como fazer isso seguindo nossas dicas.

Primeiro passo: mostre que você consegue assumir as responsabilidades

Essa é a desculpa clássica de todos os pais: “você não tem responsabilidade”. O que de certa forma está coerente, pois quem acha que ter um cãozinho em casa é pura diversão está enganado. Os animais precisam de alimento, água fresca, passeios diários, brincadeiras constantes, atenção, carinho e companhia. Além disso, também podem adoecer e precisar de cuidados médicos.

Quer ter um cão? Aprenda dicas para convencer as pessoas de sua casa

Foto: Reprodução/ internet

Ter um cão diminui a possibilidade de viagens, de saídas e é um gasto a mais no orçamento da casa. Então, diante de todas essas razões você precisa mostra a seus responsáveis que está apto para encarar esse novo estilo de vida. Se mostre maduro, mostre a ele que há pontos “desfavoráveis” para uma criação e que vocês está ciente disso. Mas, que os pontos positivos conseguem superar os “negativos”.

Aspectos positivos para ter um cão em casa

Cães são ótimas companhias

Seja para bebê, criança ou idoso, cães são excelentes companhias. Por exemplo, no caso dos bebês pesquisas comprovam que quando crescem na presença de cachorros, eles tendem a se desenvolver com mais saúde, evitando diversas doenças como infecções no ouvido, tosse e até mesmo coriza. Além disso, eles começam a andar mais rápido, pois tentam copiar os passos do amigo canino. Com os idosos, são parceiros fieis que melhoram a vida e dão alegria para os vovôs e vovós.

Os cachorros conseguem entender os donos

Os cães conseguem perceber o humor de seus donos, ficam próximo dos tutores quando os mesmos estão doentes e ainda sabem reconhecer quando alguém está mentindo. Eles são animais muito espertos, de acordo com uma pesquisa feita no Japão pode-se perceber que os cães não gostam das pessoas que menosprezam seus donos. Essas são algumas das provas da fidelidade dos cães.

Os cães adoram exercícios

Se você tenta fazer atividade física mas não consegue por preguiça, um cão vai ser um ótimo parceiro nessas horas. Animais de estimação adoram correr e brincar, por isso irá te ajudar a deixar a falta de coragem de lado, entrar em forma e cuidar ainda mais da saúde.

Pets diminuem problemas cardíacos

Como já dito, as pessoas que têm cães tendem a fazer mais exercícios físicos do que aqueles que não possuem. Além disso, o cachorro tem o dom de diminuir o estresse do dono, seja com brincadeiras, carinhas engraçadas ou a felicidade ao reencontrar o tutor depois de um dia de trabalho. Esses fatores ajudam a diminuir problemas cardíacos nos humanos.

Adotar pode salvar vidas

Se o problema for dinheiro a solução é a adoção. Se o problema não for o dinheiro, a solução continua sendo adoção. Adotar cães é um motivo a mais para ter um pet em casa, fazendo esse ato você salva não só a vida do que você adotou, mas abre espaços em abrigos para que mais cães de rua possam ser resgatados. Adoção é um ato de amor sem tamanho, e qual o humano que não deseja aprender a amar com os peludos?


Reportar erro