Aprenda dicas de como criar o cão em apartamento

Os cães que vivem em apartamentos possuem uma maior tendência a sofrer de ansiedade, depressão ou estresse. Saiba como criar o cachorro em ambientes assim.


É fácil ter um animal de estimação quando se vive em uma casa espaçosa, no entanto, as pessoas que moram em um apartamento e desejam ter um cão devem ter bom senso e ter uma série de cuidados para proporcionar uma boa qualidade de vida para ele.

Os animais de estimação precisam de exercícios, brincadeiras e interação social e, independente da raça, os cachorros que vivem em apartamentos possuem uma maior tendência a sofrer de ansiedade, depressão ou estresse.

Por este motivo, antes de levar o novo amigo para o lar, é preciso saber quais são as necessidades do pet e como melhor atendê-las.

Como criar o cão em apartamento?

Algumas pessoas vivem em um apartamento pequeno e trabalham fora o dia inteiro, mas mesmo assim desejam ter um cão. O animalzinho certamente não seria feliz e poderia desenvolver problemas como latidos, uivos, problemas com a vizinhança, estresse, depressão, destruição dos móveis da casa etc. Não existe um espaço estipulado onde se possa criar bem um cão, no entanto, nenhum animalzinho é feliz ao ficar confinado em varandas ou áreas de serviço, por exemplo. Para uma boa qualidade de vida, os cães precisam de passeios diários e brincadeiras diferentes em espaços como parques ou praças.

Aprenda dicas de como criar o cão em apartamento

Foto: Reprodução/ internet

Criando o cão sem problema em apartamento:

  • Não deixe o cão confinado em ambientes pequenos, como varandas ou áreas de serviço. Deixe-o solto pelo apartamento e ofereça brinquedos e atividades para mantê-lo entretido;
  • No momento de escolher o novo morador da casa e melhor amigo canino, opte por raças pequenas ou médias. Dentre as raças que podem ser criadas em apartamentos estão o poodle, yorkshire, maltês, lhasa apso, beagle, pinsher, buldogue inglês, pug, chihuahua, papillon, buldogue francês e outros;
  • O cachorro precisa se exercitar, por isso, passeie com ele ao menos três vezes ao dia, por aproximadamente 30 minutos. As atividades físicas fazem muito bem ao cão e ele ficará mais tranquilo e feliz. Lembre-se que os passeios devem ser feitos no início da manhã ou no fim da tarde, nos horários em que o sol não está tão forte;
  • Dê atenção ao seu animal de estimação! Ele precisa de atenção, carinho e brincadeiras. Por isso, aproveite a companhia dele para se divertir bastante;
  • Socializar o seu cão com outros animais também é importante. Se tiver alguma praça perto da região em que mora, aproveite para passear com o seu animal de estimação por lá. Entrar em contato com a natureza e com outros cachorros faz bem ao seu pet;
  • Evite deixar o seu cãozinho muito tempo sozinho durante o dia;
  • Ofereça a ele brinquedos ou ossos de couro para roer. Ter atividades durante os dias evita o tédio e o desânimo, além de evitar problemas comportamentais e diminuir as chances de ele roer os móveis da casa e desenvolver dermatites psicogênicas;
  • Lembre-se dos vizinhos dos outros apartamentos, por isso, veja como tratar o cão que late compulsivamente. Muitos cachorros latem em excesso porque estão infelizes, por isto, lembre-se de seguir essas dicas.


Reportar erro