14 frutas e legumes permitidos para cães

Esse tipo de alimentação vem sendo escolhido por proprietários que optam pela dieta natural, mantendo seus pets longe das rações industrializadas


Ter um cãozinho em casa muitas vezes pode ser bem trabalhoso quando se trata de alimentação. Isso porque eles adoram fazer aquela carinha de pidões enquanto estamos comendo, não é mesmo? Muitos donos acabam cedendo aos encantos e tiram comidas de suas mesas para dar aos pets. Isso, no entanto, não é um hábito muito bom, pois existem alimentos adequados às pessoas que não são adequados aos animais.

Existe a ideia falsa de que legumes e verduras não são maléficos à saúde dos cães, mas é preciso estar atento até nesse quesito.

14 frutas e legumes permitidos para cães

Foto: Pixabay

Alimentos permitidos

Confira alguns alimentos que são permitidos aos cães:

Batata doce: fonte de cálcio, potássio, folato, cobre, ferro, vitaminas E, A, C e B6, a batata doce também pode ser oferecida ao pet.
Maçã: rica em vitamina C e antioxidantes, a maçã é bastante benéfica aos pets, mas atenção: evite dar quando notar que o cão tem prisão de ventre e fique atento à remoção de todas as sementes, pois são tóxicas para eles.
Melão: rico em fibras, beta caroteno, folato, vitaminas A, B6 e C e potássio, o melão ajuda a melhorar a visão do pet.
Abóbora: a abóbora é rica em fibras, vitamina A e antioxidantes, ajudando a aliviar diarreias e constipações.
Cenoura: rica em vitamina A, C, K e potássio, a cenoura é bastante aceita pelos pets, sendo, inclusive, uma excelente opção de alimento natural. É indicado que se cozinhe sem sal e preferencialmente sem casca.
Alface: o alface é rico em sais minerais, vitaminas A e C, e deve ser fornecido misturado a outros alimentos.
Beterraba: fonte de ferro, vitaminas A, C e do complexo B, a beterraba ajuda a melhorar o sistema imunológico, mas não deve ser consumida por animais diabéticos.
Couve: a couve é rica em vitamina K, C, A e do complexo B, e é importante na manutenção dos dentes e ossos dos pets. Corte em tiras e cozinhe, e depois misture aos outros alimentos oferecidos.
Pera: rica em fibras e eficiente como auxiliar no bom funcionamento do intestino.
Banana: dotada de altos níveis de cálcio e potássio, a banana está liberada para o consumo dos cães, porém, em quantidades moderadas, uma vez que é uma fruta calórica.
Laranja: excelente fonte de vitamina C, a laranja pode ser consumida por cães, entretanto, de forma moderada, uma vez que cítrica, esta fruta pode causar danos a mucosa gástrica do animal.
Morango: também rico em vitamina C e de baixo teor calórico, o morango é outra opção de fruta indicada para os cachorros.
Espinafre: Fonte de altas doses das vitaminas A e K, este vegetal é recomendado para cães, uma vez que fornecem sabor e nutrientes agradáveis aos pets.
Abacaxi: fonte de vitaminas A, C e B1, o abacaxi é uma opção saborosa e saudável de fruta para ser consumida pelos cães.

Benefícios

Os benefícios de inserir alimentos naturais à rotina alimentar do pet são diversos, mas envolvem principalmente o suprimento de algumas necessidades nutricionais que muitas vezes as rações não fornecem. Esse tipo de alimentação vem sendo escolhido por proprietários que optam pela dieta natural, mantendo seus pets longe das rações industrializadas.

É importante, mesmo sabendo quais são as frutas e legumes que o animal pode comer, que você consulte um veterinário. Isso porque somente ele poderá saber quais são todos os alimentos que podem ser consumidos por nossos queridos amigos caninos.


Reportar erro