Alimentação natural para cachorros

Alimentação natural para cães contém proteína animal, gorduras saudáveis e legumes


Devido à correria do nosso cotidiano, é comum que tenhamos menos tempo para prepararmos a nossa própria comida e a dos nossos bichinhos de estimação, oferecendo-lhes alimentos industrializados, como ração seca ou enlatada. O problema é que estes alimentos contêm conservantes podem causar problemas de saúde em nossos pets.

Assim como preparar a nossa própria comida é a opção mais saudável, preparar a comida do cachorro também é o mais indicado, pois dessa forma conseguimos controlar a qualidade e quantidade dos vários ingredientes. A refeição servida aos cães também deve ser balanceada: no geral, a quantidade recomendada de proteína é de 50%, 25% de vegetais e 25% de carboidratos, além de vitaminas, minerais e ômega 3.

Neste contexto, surge a alimentação natural para cães (também conhecida como AN cozida), uma dieta caseira balanceada, cozida e sem ossos. A alimentação natural contém excelentes níveis de proteína animal de qualidade, gorduras saudáveis, carboidratos de baixo índice glicêmico e é enriquecida com legumes, verduras e hortaliças.

O que é a alimentação natural?

Oferecer alimentação natural ao seu pet não é dar restos da nossa comida, pois alguns produtos podem prejudicar a saúde do bichinho e não contém nutrientes importantes para a necessidade específica do cão. A alimentação natural é uma dieta completa e balanceada, indicada para cachorros de qualquer idade (depois de terem sido desmamados) e raça. Se o pet for portador de quadros crônicos e precisa de dieta especial, com adições e restrições, o mais indicado é consultar o veterinário antes.

Alimentação natural para cachorros

Foto: Reprodução

Benefícios da alimentação natural

Dentre os benefícios proporcionados pela alimentação natural para cachorros estão os seguintes:

  • A dieta caseira contém até 7 vezes mais água que a ração seca, o que poupa o sistema urinário e os rins, pois mantém o animal hidratado. A água presente neste tipo de comida é mais bem aproveitada pelo organismo, auxiliando também no processo de digestão;
  • A alimentação natural não possui o excesso de fibras grosseiras e carboidratos presentes nas rações convencionais. Por esta razão as fezes são reduzidas, mais secas e com odor discreto;
  • A dieta ideal para um cão é livre de carboidratos refinados e rica em proteínas, apresentando uma baixa carga glicêmica;
  • Muitas doenças que atingem os cães podem ser causadas ou agravadas pelo consumo prolongado de ração seca à base de grãos. Receber exclusivamente uma dieta seca, processada industrialmente e com alimentos que ele não comeria naturalmente, pode causar diversas doenças. Assim sendo, a alimentação natural pode minimizar os problemas causados por uma dieta inadequada;
  • Se o seu pet tem problemas para comer, a alimentação natural também pode ajudar, já que os cachorros naturalmente se interessam por comida caseira, frutas, cenouras e frango.

Quais ingredientes utilizar na alimentação natural?

Alguns açougues costumam vender cortes de carnes para cães, que são compostos de vários tipos de carne picada de frango e boi. Caso você não encontre este tipo de carne, poderá comprar um corte mais barato de carne moída de boi ou frango. Carnes como fígado, rim e miúdos em geral costumam ser apreciados pelos cachorros e possuem grande valor nutritivo. Lembre-se de sempre cozinhar as carnes antes de oferecer ao seu pet!

Além da carne, pode-se utilizar uma grande variedade de vegetais. Existem também os alimentos que devem ser evitados na alimentação dos cães, como chocolate, doces em geral, alho e cebola. O sal deve ser usado com cautela, sem excessos.

No preparo da comida caseira para cães, a carne deve ser cozida em bastante água e pouco sal, junto com os legumes já picados. Você pode usar vários legumes, dependendo do que tiver em casa: vagem, cenoura, couve flor, couve e folhas de espinafre.


Reportar erro